PUBLICIDADE
Topo

Sem pipoca: SP vai proibir consumo de alimentos dentro de cinemas e teatros

Teatro Municipal, em São Paulo - Eduardo Vessoni/UOL
Teatro Municipal, em São Paulo Imagem: Eduardo Vessoni/UOL

Do UOL, em São Paulo

03/07/2020 15h26

O governo de São Paulo não vai permitir que as pessoas consumam alimentos e bebidas no interior de cinemas, teatros, galerias e museus. A medida ficará em vigor enquanto as regiões estiverem na fase amarela do plano de retomada da economia.

Hoje, o governo paulista atualizou o plano e antecipou a volta de academias, atividades culturais, eventos e convenções para a fase amarela. Ainda não existe data definida para o funcionamento destes estabelecimentos. Antes de reabrirem as portas, os setores precisam firmar protocolos sanitários com os municípios.

De acordo com o secretário de cultura do estado, Sérgio Sá Leitão, os estabelecimentos poderão vender alimentos em suas dependências, mas o consumo não será liberado dentro das salas.

"Durante a fase amarela, a determinação do centro de contingência é que não haja consumo de alimentos e bebidas dentro dos espaços. Vale para cinema, teatro, galerias, museus", disse em entrevista à Globo News. "Isso não quer dizer que o cinema não possa vender, e as pessoas consumirem fora da sala."

Segundo o secretário, a capital já demonstrou alguns critérios necessários para entrar na fase verde do plano, o que se concretizar em breve.

"A restrição cairá na fase verde sobre consumo dentro das salas. Nas últimas semanas, tivemos vários dias que a capital atingiu critérios necessários para fase verde. Não tardaremos muito para entrar na fase verde", contou.

Pouco antes, em entrevista coletiva no Palácio dos Bandeirantes, a secretária de Desenvolvimento Econômico, Patrícia Ellen, alertou que São Paulo ainda tem uma pandemia a controlar e que essa primeira abertura dos setores é para funcionamento mínimo.

"Confirmando a informação em relação ao estado, e um esclarecimento: bares e restaurantes, se o cinema tem um bar, um restaurante anexado, funciona a regra de bares e restaurantes. O que não pode é consumir o alimento dentro das salas de cinema, de teatro. Qual é o objetivo dessa primeira abertura? As pessoas que estão voltando ao trabalho precisam comer. É todo um processo. O setor de bares e restaurantes precisa funcionar minimamente, mas com critérios de segurança", afirmou.

Coronavírus