PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Arquiteto é encontrado morto no interior de SP após 3 dias desaparecido

Arquiteto Raífe Ferreira da Silva - Arquivo Pessoal
Arquiteto Raífe Ferreira da Silva Imagem: Arquivo Pessoal

Do UOL, em São Paulo

16/01/2021 14h01Atualizada em 16/01/2021 22h45

O arquiteto Raífe Ferreira da Silva, 26, que desapareceu na terça-feira (12), foi encontrado morto no final da tarde de ontem em um local de acidente de carro na cidade de Miracatu, no interior paulista.

Morador de Mongaguá, no litoral, a Polícia Civil informou à reportagem que os familiares disseram que ele tinha saído na terça-feira e dito que iria para Santos, onde realizava trabalhos.

O portal G1 publicou a informação na manhã de hoje. O UOL confirmou a veracidade.

Silva foi encontrado próximo da rodovia Régis Bittencourt. No km 378 da via, policiais rodoviários encontraram o carro do arquiteto tombado. Raífe, que dirigia o carro, foi arremessado do veículo cerca de 2 metros, de acordo com policiais civis.

A suspeita dos policiais é de que ele estava sozinho no carro no momento do acidente, mas mesmo assim o caso foi registrado como na delegacia de Miracatu como homicídio culposo na direção de veículo automotor (sem intenção). Ao final da investigação, caso os policiais concluam que Raífe estava mesmo sozinho no carro ou que nenhum outro motorista tenha provocado o acidente, o registro da ocorrência será alterado.

Segundo familiares disseram aos policiais, ele visualizou pela última vez o aplicativo de celular WhatsApp às 22h40 do dia 12.

A família foi avisada, segundo a polícia, e se dirigiu até o local do acidente. Lá, identificaram a vítima. Nas redes sociais, amigos e familiares se despediram e homenagearam o arquiteto.

Cotidiano