PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
4 meses

Polícia apreende carro e cartuchos de fuzil usados em roubo em Jarinu (SP)

Criminosos atearam fogo em veículos para fugir após assaltarem uma fábrica de ouro em Jarinu (SP) - Reprodução/Redes sociais
Criminosos atearam fogo em veículos para fugir após assaltarem uma fábrica de ouro em Jarinu (SP) Imagem: Reprodução/Redes sociais

Do UOL, em São Paulo

14/07/2021 11h27

Um carro usado pela quadrilha que assaltou uma fábrica de joias em Jarinu, no interior de São Paulo, foi apreendido na tarde de ontem por policiais da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Jundiaí, que investiga o caso. A informação foi confirmada ao UOL pela SSP (Secretaria Pública de Segurança).

O veículo foi localizado na cidade de Cambuí, em Minas Gerais. Foram apreendidos cartuchos deflagrados de fuzil e alguns pregos retorcidos - conhecidos como miguelitos - dentro automóvel, que foi periciado. A polícia segue realizando diligências para identificar e prender os envolvidos no crime.

Na madrugada de ontem, uma quadrilha formada por 15 homens assaltou uma fábrica de joias no bairro da Água Preta, trocou tiros com a polícia e incendiou pelo menos quatro veículos fechando o acesso de duas vias.

Conforme relatos de moradores, os criminosos chegaram à frente da fábrica em vários veículos e dispararam tiros de fuzil contra a guarita de segurança. Para invadir o local, eles explodiram o portão de entrada.

Houve troca de tiros entre a polícia e os criminosos em pontos das cidades de Campo Limpo Paulista e Atibaia, próximas de Jarinu. Ninguém ficou ferido. Os criminosos conseguiram fugir em direção a Minas Gerais e continuam foragidos.

Cotidiano