PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
6 meses

Mulher passa mal, morre dentro de mercado no Rio e tem corpo coberto

Uma cliente passou mal e morreu dentro de um supermercado da rede Supermarket, em São Conrado, no Rio de Janeiro - Reprodução/Redes sociais
Uma cliente passou mal e morreu dentro de um supermercado da rede Supermarket, em São Conrado, no Rio de Janeiro Imagem: Reprodução/Redes sociais

Andréia Martins

Do UOL, em São Paulo

14/07/2021 10h57Atualizada em 04/08/2021 12h13

Uma mulher passou mal e morreu ontem dentro de uma unidade do Supermarket, em São Conrado, bairro da zona sul do Rio de Janeiro. A vítima foi identificada como Evangelista D. Argentina, de 60 anos, de acordo com o Corpo de Bombeiros. Ainda não há informações sobre a causa da morte.

Fotos que circulam redes sociais mostram o corpo da mulher coberto com um plástico rosa em uma área isolada por carrinhos de compra. Algumas pessoas que compartilharam a imagem criticaram o mercado por permanecer em funcionamento mesmo com a vítima já morta.

Em nota enviada ao UOL, o Supermarket lamentou o ocorrido e explicou que "fechou a loja de imediato, porém no momento a loja estava cheia e precisávamos liberar os clientes que estavam finalizando suas compras".

O SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado, mas como a vítima já estava morta o Corpo de Bombeiros foi chamada para retirar o corpo do local e encaminhá-lo ao IML (Instituto Médico Legal).

O Supermarket disse ainda que está prestando "toda assistência a família na realização do funeral".

Em agosto de 2020, um prestador de serviços morreu em uma unidade da rede de hipermercados Carrefour no Recife. O caso gerou revolta já que, para manter estabelecimento aberto, outros funcionários bloquearam o acesso visual ao corpo da vítima com tapumes e guarda-sóis.

Já em abril deste ano, um funcionário do hipermercado Carrefour do Limão, na zona norte de São Paulo, morreu após a empilhadeira que ele operava tombar em uma rampa. O local foi fechado para que a vítima fosse socorrida, mas ele não resistiu e morreu no local.

Cotidiano