PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Parelheiros: Mãe e 2 filhos somem em enxurrada e são procurados em rio

Reserva Sítio Curucutu, em Parelheiros, São Paulo; buscas por mulher e os dois filhos serão retomadas na região - Divulgação
Reserva Sítio Curucutu, em Parelheiros, São Paulo; buscas por mulher e os dois filhos serão retomadas na região Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

08/12/2021 09h05Atualizada em 08/12/2021 12h24

O Corpo de Bombeiros de São Paulo encerrou as buscas por uma mulher, um bebê e uma criança que foram arrastados pela correnteza do rio na Estrada do Curucutu, ontem, em Parelheiros, zona sul da capital paulista. A polícia informou que os três — mãe e dois filhos — foram encontrados em uma comunidade próximo ao rio.

Os três foram vistos por uma mulher que também teve o carro arrastado pela enxurrada e chamou os bombeiros por volta das 13h de ontem ao avistar as vítimas sendo levadas pela enxurrada, durante um momento de muita chuva.

Segundo o Major Palumbo, do Corpo de Bombeiros, a testemunha relatou que a mulher estava com o bebê no colo e de mãos dadas com a outra criança. Elas estavam dentro de um carro quando foram arrastados pela água.

"A mulher passava de carro, tentou ajudar a mãe e também teve o carro arrastado pela correnteza. As buscas serão efetivadas com o helicóptero Águia, cães e também drones. É uma área muito grande onde havia a vazão de toda a chuva e da correnteza que levou as vítimas", afirmou o Major.

Cerca de 18 bombeiros e dois cães participaram das buscas na manhã hoje, realizadas em duas frentes, uma por água e outra por terra. A operação foi suspensa pouco depois das 11h.

O local onde as vítimas foram vistas pela última vez, segundo os militares, é uma via de acesso a uma comunidade próxima.

As buscas começaram ontem, mas foram interrompidas perto das 19h devido à falta de luz na área.

Cotidiano