Conteúdo publicado há 5 meses

Sueco encontrado morto em SC pode ter sido vítima de emboscada, diz polícia

O empresário sueco Jonathan Jensen, 21, encontrado morto em uma mansão em Balneário Camboriú (SC), na quarta-feira (15), pode ter sido vítima de uma emboscada, segundo a Polícia Civil.

O que aconteceu

Uma das hipóteses da polícia é de que a vítima teria sido alvo de uma emboscada, segundo o delegado à frente do caso, Vicente Assis. "É uma hipótese [a emboscada]. Seria, na verdade, uma possível traição, que está no mesmo inciso da emboscada", explicou.

A morte pode ter sido motivada por uma disputa pelo controle de uma empresa de marketing administrada pela vítima e pelo suspeito, que também é sueco e tem 22 anos, segundo informou o delegado Diego Parma ao UOL. O nome do suspeito não foi divulgado.

A polícia esclareceu que o suspeito e a vítima tinham relação próxima. Eles teriam se encontrado no dia anterior ao crime para resolverem a questão da dissolução da sociedade.

O caso

Jonathan Jensen foi encontrado sem vida deitado próximo à cozinha, com sangue na região da cabeça e do tronco, e uma faca ao seu lado. A mansão em que o crime ocorreu fica localizada em um bairro de luxo de Balneário Camboriú.

Após o assassinato, o sócio fugiu em um veículo de luxo, que pertencia a Jonathan, mas foi preso em flagrante na BR-101, em São José, na região metropolitana de Florianópolis, distante cerca de 75 quilômetros de onde o jovem foi achado morto.

Suspeito foi detido quando estava acompanhado por dois advogados. Segundo a polícia, ele confessou o crime, mas não revelou a motivação.

Os sócios chegaram a morar juntos na mansão no começo do ano, mas atualmente apenas o suspeito residia no local. Não foi divulgado se o corpo será transferido para a Suécia ou se será sepultado no Brasil.

Continua após a publicidade

O caso é investigado pela DIC (Divisão de Investigação Criminal) de Balneário Camboriú. O UOL não conseguiu localizar a defesa do suspeito. O espaço segue aberto para manifestação.

'Sempre vou te amar'

O influenciador Gustavo Rocha lamentou a morte do ex-namorado, o empresário sueco Jonathan Jensen.

Nos stories de seu perfil no Instagram, o influenciador compartilhou uma foto de Jonathan e se declarou. "Sempre vou te amar. Obrigado pelos momentos. Descanse em paz."

Gustavo Rocha e Jonathan Jansen assumiram publicamente o namoro em maio de 2021.

Deixe seu comentário

Só para assinantes