Policial atira contra funcionários de empresa telefônica acusados de furto

Um policial civil foi gravado ontem atirando contra funcionários de uma empresa telefônica na região administrativa de Vicente Pires, no Distrito Federal.

O que aconteceu

Moradores chamaram o policial. O agente foi acionado por moradores da região que acusaram os trabalhadores estarem furtando bateria de transmissão de dados, telefonia e energia, segundo a Polícia Civil do DF.

O homem, que estava sem uniforme, teria atirado no pneu do veículo após os funcionários da empresa telefônica terem tentado deixar o local. A polícia afirmou que ele estava desuniformado por ser policial civil.

Os homens foram autuados por desobediência. A Polícia Militar foi acionada e todos foram levados à delegacia. Os funcionários da empresa foram autuados por desobediência por não terem acatado a ordem de parar o veículo e por desacato por supostamente terem ofendido o policial.

A empresa telefônica na qual os indivíduos prestam serviço, que não foi identificada, foi notificada para informar se eles de fato estavam autorizados a retirar a bateria do local.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora