Conteúdo publicado há 1 mês

Mulher trans é assassinada na saída de festa na zona sul de SP

Uma mulher trans de 21 anos foi assassinada na saída de uma festa na Estrada de Itapecerica, na zona sul de São Paulo, na manhã de sábado (13).

O que aconteceu

Daniele Miranda Alves e uma amiga brigaram com um grupo de homens na calçada. Câmeras de segurança gravaram as imagens do crime.

Imagens mostram que elas trocam socos e chutes com o grupo. Elas deixam o local a pé, mas são perseguidas por um carro vermelho sem placa.

A pessoa que estava no banco do passageiro atira várias vezes. No vídeo, é possível ver que o atirador coloca o braço para fora do carro e dispara na direção das amigas.

Daniele foi atingida pelos disparos. Mesmo ferida, ela entra no estacionamento de um estabelecimento e anda alguns metros antes de cair no chão. Ela morreu no local.

A amiga dela conseguiu correr na direção contrária do carro e não se feriu. Ela também é uma mulher trans.

A mãe de Daniele, a enfermeira Marta Figueiredo Miranda, lembrou que a filha é muito carinhosa. "A Dani era uma pessoa maravilhosa, uma filha carinhosa, sempre se preocupava comigo. Sonhadora, que tinha o sonho de viajar para fora para ter uma carreira lá fora, na Europa, ela sonhava muito alto, entendeu?", contou em entrevista ao Jornal Nacional.

Eu quero que a Justiça, pelo menos a Polícia Civil investigue, encontre os outros culpados, porque não foi só um. Um está preso, não foi só um, tiveram vários envolvidos, então todos têm que pagar.
Mãe de Daniele

Atirador é procurado

A PM localizou o carro usado pelos criminosos no Capão Redondo. O motorista de 23 anos estava no local e foi preso em flagrante.

Continua após a publicidade

A polícia faz buscas pelo atirador. Ele ainda não foi identificado.

Ivalda Aleixo, diretora do DHPP, disse que a polícia trabalha com a hipótese de transfobia. "Uma das linhas de investigação é essa. Mas não descartamos outras. Assim que conseguirmos identificar e localizar o outro com certeza teremos informações mais robustas", afirmou ao UOL.

Deixe seu comentário

Só para assinantes