PUBLICIDADE
Topo

Ibope e Datafolha apontam Covas no 2º turno e empate pelo segundo lugar

Bruno Covas (PSDB) na véspera do primeiro turno da eleição para prefeito de São Paulo - Luís Adorno/UOL
Bruno Covas (PSDB) na véspera do primeiro turno da eleição para prefeito de São Paulo Imagem: Luís Adorno/UOL

Do UOL, em São Paulo

14/11/2020 19h31Atualizada em 14/11/2020 21h42

As últimas pesquisas Ibope e Datafolha realizadas antes da eleição à Prefeitura de São Paulo indicam que Bruno Covas estará no segundo turno. A disputa para enfrentar o tucano segue em aberto com Guilherme Boulos (PSOL), Márcio França (PSB) e Celso Russomanno (Republicanos) tecnicamente empatados em segundo lugar.

Covas aparece à frente na pesquisa Ibope com 38% dos votos válidos, seguido por Boulos (16%), França (13%) e Russomanno (13%). A margem de erro da pesquisa é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

O percentual de votos válidos corresponde à proporção de votos do candidato sobre o total, excluídos os votos brancos, nulos e indecisos. Para ser eleito em primeiro turno, um candidato deve alcançar 50% dos votos válidos mais um — a maioria simples.

Porcentagem Ibope de votos válidos:

Porcentagem Ibope de votos totais:

  • Bruno Covas: 33%
  • Guilherme Boulos: 14%
  • Celso Russomanno: 11%
  • Márcio França: 11%
  • Jilmar Tatto: 6%
  • Artur do Val - Mamãe Falei: 6%
  • Joice Hasselmann: 2%
  • Andrea Matarazzo: 2%
  • Levy Fidelix: 1%
  • Marina Helou: 1%
  • Orlando Silva: menos de 1%
  • Antônio Carlos: menos de 1%
  • Vera Lúcia: menos de 1%

A pesquisa Ibope ouviu 1.204 eleitores em São Paulo entre os dias 12 e 14 de novembro. Encomendada pela TV Globo e pelo jornal O Estado de S. Paulo, foi registrada na Justiça Eleitoral sob o protocolo SP-09660/2020.

O levantamento tem nível de confiança estimado em 95%, o que significa dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerada a margem de erro.

Datafolha: Covas tem 37% dos votos válidos

A pesquisa Datafolha divulgada neste sábado também aponta Covas indo ao segundo turno, com 37% dos votos válidos. Outros três candidatos disputam a outra vaga: Boulos (17%), Márcio França (14%) e Celso Russomanno (13%). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

Porcentagem Datafolha de votos válidos:

Porcentagem Datafolha de votos totais:

  • Bruno Covas (PSDB): 33%
  • Guilherme Boulos (PSOL): 15%
  • Márcio França (PSB): 12%
  • Celso Russomanno (Republicanos): 11%
  • Arthur do Val - Mamãe Falei (Patriota): 5%
  • Jilmar Tatto (PT): 5%
  • Joice Hasselmann (PSL): 2%
  • Andrea Matarazzo (PSD): 2%
  • Marina Helou (Rede): 1%
  • Vera Lúcia (PSTU): 1%
  • Levy Fidelix (PRTB): menos de 1%
  • Orlando Silva (PCdoB): menos de 1%
  • Antônio Carlos Silva (PCO): menos de 1%
  • Brancos e nulos: 8%
  • Não sabe ou não responderam: 4%

A pesquisa Datafolha entrevistou 2.987 eleitores em São Paulo entre os dias 13 e 14 de novembro. Encomendada pelo jornal Folha de S. Paulo e pela TV Globo, ela foi registrada na Justiça Eleitoral com o número SP-01587/2020.

O levantamento tem nível de confiança estimado em 95%, o que significa dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerada a margem de erro.

Pesquisas apontam vitória de Covas no 2º turno

Os cenários testados por Ibope e Datafolha nas pesquisas apontam que, se o segundo turno fosse realizado hoje, o prefeito Bruno Covas seria eleito com ampla vantagem em relação aos adversários.

Simulações do Ibope:

  • Bruno Covas 53% x 26% Guilherme Boulos
  • brancos e nulos: 18%
  • não sabem: 3%
  • Bruno Covas 46% x 34% Márcio França
  • brancos e nulos: 17%
  • não sabem: 3%
  • Bruno Covas 56% x 23% Celso Russomanno
  • brancos e nulos: 18%
  • não sabem: 3%
Simulações do Datafolha:
  • Bruno Covas 57% x 30% Guilherme Boulos
  • brancos e nulos: 12%
  • não sabem: 2%
  • Bruno Covas 51% x 36% Márcio França
  • brancos e nulos: 11%
  • não sabem: 2%
  • Bruno Covas 63% x 21% Celso Russomanno
  • brancos e nulos: 14%
  • não sabem: 2%

Russomanno apresenta maior rejeição

Celso Russomanno é o candidato mais rejeitado pelos eleitores, conforme apontado pelas duas pesquisas. Ele é seguido pela candidata Joice Hasselmann (PSL).

Os entrevistados puderam fornecer mais de um nome quando questionados sobre quem não votariam de jeito nenhum. Por isso, a soma dos candidatos ultrapassa 100%.

Rejeição apontada pelo Ibope:

  • Celso Russomanno: 45%
  • Joice Hasselmann: 26%
  • Guilherme Boulos: 23%
  • Jilmar Tatto: 21%
  • Bruno Covas: 19%
  • Levy Fidelix: 19%
  • Orlando Silva: 16%
  • Arthur do Val: 14%
  • Márcio França: 14%
  • Vera Lúcia: 14%
  • Orlando Silva: 16%
  • Andrea Matarazzo: 12%
  • Marina Helou: 12%
  • Antônio Carlos: 11%
  • Poderiam votar em todos: 3%
  • Não sabem ou preferem não opinar: 9%

Rejeição apontada pelo Datafolha:

  • Celso Russomanno: 50%
  • Joice Hasselmann: 33%
  • Bruno Covas: 25%
  • Jilmar Tatto: 25%
  • Guilherme Boulos: 24%
  • Levy Fidelix: 23%
  • Orlando Silva: 18%
  • Márcio França: 17%
  • Arthur do Val: 17%
  • Vera Lúcia: 14%
  • Andrea Matarazzo: 13%
  • Marina Helou: 12%
  • Antônio Carlos: 11%
  • Rejeitam todos ou não votariam em nenhum: 3%
  • Votaria em qualquer um ou não rejeitam nenhum: 2%
  • Não sabem: 4%