PUBLICIDADE
Topo

Orlando Silva anuncia apoio do PCdoB a Boulos e Erundina

Candidato derrotado, Orlando Silva (PCdoB) anunciou que apoiará candidatura de Boulos pelo PSOL à prefeitura de São Paulo - ALOISIO MAURICIO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO
Candidato derrotado, Orlando Silva (PCdoB) anunciou que apoiará candidatura de Boulos pelo PSOL à prefeitura de São Paulo Imagem: ALOISIO MAURICIO/FOTOARENA/ESTADÃO CONTEÚDO

Do UOL, em São Paulo

16/11/2020 22h43

Candidato derrotado na eleição para a Prefeitura de São Paulo, Orlando Silva (PCdoB) anunciou apoio de seu partido a Guilherme Boulos (PSOL) na disputa pelo segundo turno contra Bruno Covas (PSDB). Ele também declarou que o avanço dos dois candidatos ao segundo turno representa a derrota de Jair Bolsonaro (sem partido) na capital paulistana.

"O PCdoB decidiu apoiar a candidatura de Guilherme Boulos e Luiza Erundina à prefeitura. Foi importante derrotar Bolsonaro no 1º turno! Agora é construir um projeto popular que priorize emprego e renda e faça de São Paulo uma cidade livre do racismo. Vamos juntos!", escreveu ele no Twitter.

Orlando Silva terminou o primeiro turno com 0,23% dos votos válidos (12.254 votos). Impulsionado pela campanha em redes sociais, Boulos teve 20,24% dos votos, enquanto Covas apresentou 32,86%.

Com a declaração da noite de hoje, o PCdoB torna-se o segundo partido a apoiar, publicamente, a candidatura do PSOL à prefeitura. Ainda ontem o candidato Jilmar Tatto (PT) afirmou que apoiaria Boulos na corrida eleitoral.

"Acabei de ligar para Guilherme Boulos, a quem tenho como um irmão mais novo. Desejei sorte e disse que ele pode contar comigo e com a nossa valente militância para virar o jogo em São Paulo", disse Tatto no Twitter. No momento em que ele escreveu a mensagem, 99,67% das urnas haviam sido apuradas.

Na noite de hoje, a executiva municipal do PT divulgou uma nota oficializando o apoio da sigla à candidatura de Boulos.