PUBLICIDADE
Topo

Covas toma café e caminha com Thammy Miranda no bairro da Liberdade

"Ele está apoiando a gente [transsexuais] também", afirmou Thammy ao UOL quando questionado sobre apoio a Covas - Wanderley Preite Sobrinho
"Ele está apoiando a gente [transsexuais] também", afirmou Thammy ao UOL quando questionado sobre apoio a Covas Imagem: Wanderley Preite Sobrinho

Wanderley Preite Sobrinho

Do UOL, em São Paulo

23/11/2020 13h15

Candidato a reeleição, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), tomou café e caminhou na manhã de hoje ao lado de Thammy Miranda (PL), um dos candidatos transexuais que se elegeram como vereador no primeiro turno.

Os dois se encontraram ao meio-dia em uma padaria na Praça da Liberdade, bairro conhecido pela colônia japonesa.

Depois de tomarem café juntos, eles caminharam pela rua Galvão Bueno, a principal da região. Thammy ajudou a chamar apoiadores e até tirou fotos do candidato com eleitores.

"Ele está apoiando a gente [transexuais] também", afirmou Thammy ao UOL quando questionado sobre apoio a Covas e não a de Guilherme Boulos (PSOL). "A gente tem de ganhar espaço em todos os lugares."

Segundo o político de 38, ele também escolheu Covas porque "não tem de restringir, pensar só em um nicho".

"Temos de pensar na cidade como um todo", disse ele para quem Covas "só ficou dois anos" e, por isso, "merece mais anos pela frente".

Thammy foi o 9º vereador mais votado em São Paulo na eleição do dia 15. O político transexual — filho da cantora Gretchen, 61 — não foi o único eleito com a mesma bandeira.

A vereadora Erika Hilton (PSOL) também ganhou a eleição, mas pertence ao espectro político oposto.