Topo

Irmã é uma das nove vítimas do atirador de Ohio, diz TV

Do UOL, em São Paulo*

04/08/2019 15h21Atualizada em 04/08/2019 15h21

A polícia de Dayton, em Ohio, afirmou que a irmã do atirador é uma das nove vítimas do ataque ocorrido durante a madrugada na cidade do centro-leste dos Estados Unidos, de acordo com a rede de TV americana CNN.

Em coletiva de imprensa, a autoridade policial Matt Carper confirmou que o suspeito foi identificado, um homem de 24 anos, além das outras nove pessoas que foram mortas, incluindo sua irmã, de 22 anos.

As vítimas são quatro mulheres e cinco homens, com idades que vão de 22 a 57 anos. Todas foram encontradas no mesmo local. As famílias já foram informadas sobre o incidente.

O incidente deste domingo ocorreu por volta da 1h (horário local) na Rua East 5th, no distrito de Oregon, uma área popular no centro da cidade. O suspeito foi baleado e morto por policiais e nenhum oficial ficou ferido no confronto, de acordo com a polícia.

Além dos dez mortos, incluindo o atirador, 27 pessoas ficaram feridas. Mais cedo, a prefeita de Dayton, Nan Whaley, afirmou que 15 delas já tinham sido liberadas.

Este é o segundo ataque a tiros nos EUA em menos de 24 horas: o primeiro ocorreu em um supermercado de El Paso, no Texas, e matou pelo menos 20 pessoas na tarde de sábado. Há uma semana, quatro pessoas morreram, incluindo o atirador de 19 anos, em um ataque em um festival gastronômico ao ar livre em Gilroy, na Califórnia.

*Com agências de notícias

Mais Internacional