PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Esse conteúdo é antigo

EUA: Presidente da Câmara diz que ataque americano foi 'desproporcional'

Presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi - Jonathan Ernst
Presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi Imagem: Jonathan Ernst

Do UOL, em São Paulo

09/01/2020 13h59

A presidente da Câmara dos Deputados dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, chamou o ataque ordenado pelo presidente Donald Trump contra o Irã de "provocativo" e "desproporcional". Pelosi também manifestou seu incômodo por o Congresso não ter sido consultado sobre a decisão.

"Na semana passada, em nossa opinião, o presidente - o governo conduziu um ataque aéreo provocativo e desproporcional contra o Irã, que colocou em risco os americanos. E o fez sem consultar o Congresso", disse ela, segundo a CNN.

Pelosi disse ter questionado a administração federal o motivo pelo qual o Parlamento não foi informado e recebeu como resposta "nós presidimos isso de forma cautelosa".

"Não, você tem a responsabilidade de consultar o Congresso", disse a democrata.

A presidente da Câmara criticou diretamente Trump ao acrescentar que o presidente disse ter informado a todos pelo Twitter.

"Não, essa não é a relação que nosso fundadores tinham em mente na Constituição dos Estados Unidos quando deram poder ao presidente, à Casa Branca, para fazer uma coisa em termos de segurança nacional e ao Congresso para declarar guerra e alocar recursos e o resto."

Ela disse "não ter ilusões" sobre o general iraniano Qassim Suleimani, morto no ataque coordenado pelos Estados Unidos na semana passada, mas não acredita que o governo "tenha tornado o país mais seguro com o que eles fizeram".

"Ele (Suleimani) era uma pessoa terrível, fez coisas ruins. Mas não se trata de quão ruins elas são. É sobre como somos bons - proteger as pessoas de uma maneira que impede a guerra e não nos faz produzir repetidas gerações de veteranos que estão sofrendo."

Internacional