PUBLICIDADE
Topo

"Maldição Kennedy": Família vive série de tragédias desde os anos 1940

Foto da família Kennedy, em 1938, no estado de Nova York. Da esq. para dir., sentados: Eunice; Jean; Edward, sentado no colo do pai, Joseph Kennedy; Patricia e Kathleen. De pé, da esq. para dir., Rosemary, Robert, John, Rose Fitzgerald Kennedy e Joseph P. Kennedy - Reprodução/Folha/Associated Press
Foto da família Kennedy, em 1938, no estado de Nova York. Da esq. para dir., sentados: Eunice; Jean; Edward, sentado no colo do pai, Joseph Kennedy; Patricia e Kathleen. De pé, da esq. para dir., Rosemary, Robert, John, Rose Fitzgerald Kennedy e Joseph P. Kennedy
Imagem: Reprodução/Folha/Associated Press

Gilvan Marques

Do UOL, em São Paulo

05/04/2020 04h00

A família Kennedy voltou a ser notícia nesta semana, depois que Maeve Kennedy Townsend McKean, 40, e seu filho, Gideon Joseph Kennedy McKean, 8, desapareceram. Eles estavam em uma canoa que afundou durante um passeio em Shady Side, no estado de Maryland (EUA).

Até a noite deste sábado (4), os corpos da neta e do bisneto do ex-senador Robert F. Kennedy (1925-1968) não haviam sido encontrados pelas equipes de resgate.

Desde os anos 1940, o clã político mais conhecido dos EUA enfrenta tragédias e controvérsias. Relembre abaixo alguns episódios.

  • Joseph P. Kennedy Jr.

Irmão do ex-presidente John Kennedy, Joseph morreu na explosão do avião que pilotava durante uma operação aérea secreta na Segunda Guerra Mundial, em 1944.

  • Katleen Kennedy

Cerca de quatro anos depois, outro acidente de avião marcaria a história da família. Kathleen estava em um voo do Reino Unido para o sul da França, em 1948, quando a aeronave caiu.

  • John F. Kennedy

Popular e carismático, John F. Kennedy —ou, simplesmente, JFK— foi assassinado em 22 de novembro de 1963, em Dallas (Texas). O ex-fuzileiro naval Lee Harvey Oswald, desertou para a União Soviética em 1959, mas retornou aos Estados Unidos em 1962, onde depois foi preso acusado do assassinato. Oswald foi morto dois dias depois.

Centenas de livros e filmes, como "JFK", de Oliver Stone (1991), alimentaram teorias da conspiração sobre o crime, sugerindo o envolvimento de rivais da Guerra Fria, como a União Soviética e Cuba, a máfia e até o vice-presidente Lyndon B. Johnson.

  • Robert F. Kennedy

Também conhecido por amigos e familiares como "Bobb", o senador foi morto com três tiros em 1968 pelo imigrante palestino Sirhan Sirhan, durante a campanha presidencial de 1968, no Ambassador Hotel, em Los Angeles. O então candidato foi baleado pouco após falar com seus apoiadores.

  • Michael Kennedy

Sexto filho de Robbert Kennedy, Michael morreu em 31 de dezembro de 1997, aos 39 anos, em um acidente de esqui em Aspen Mountain, no Colorado. Ele estava jogando futebol utilizando os esquis nos pés com outros membros da família Kennedy e teria batido a cabeça em uma árvore.

Segundo o jornal "Washington Post", no início daquele ano, ele fora acusado de ter um caso com a babá adolescente de sua família.

  • John F. Kennedy Jr.

Em 16 de julho de 1999, John, a esposa, Carolyn, e a cunhada, Lauren Bessette, morreram num trágico acidente de avião. Kennedy estava pilotando o monomotor. Segundo relatos da imprensa na época, os três estavam indo para o casamento da prima de John, Rory.

Os destroços do avião foram encontrados no oceano Atlântico três dias depois e os corpos, cinco dias depois da queda.

  • Saoirse Kennedy Hill

Recentemente, a jovem Saoirse Kennedy Hill, neta do líder democrata norte-americano Robert "Bobby" Kennedy, morreu vítima de possível overdose, segundo publicou a imprensa dos Estados Unidos.

Citando fontes da família, um jornal afirmou que a emergência foi chamada à casa da jovem, em Cape Cod, e que ela chegou a ser levada para um hospital, mas não resistiu.

Quando estava no Ensino Médio, Saoirse escreveu um artigo para o jornal de sua escola relatando sua luta contra a depressão.

  • Kara Kennedy

Filha do senador Ted Kennedy, considerado um ícone do partido Democrata, Kara morreu após um ataque cardíaco, aos 51 anos, enquanto treinava numa academia de Washington, em 2011. Antes disso, enfrentou um câncer de pulmão. Dois anos antes, seu pai havia perdido a luta contra um câncer cerebral, em agosto de 2009.

  • Mary Richard Kennedy

Designer de interiores, arquiteta e dedicada à filantropia, Mary Richard Kennedy foi casada com Robert Kennedy Jr. No dia 16 de maio de 2002, uma governanta a encontrou enforcada em sua casa no condado de Westchester, no estado de Nova York, em um aparente suicídio. O inquérito policial declarou como causa oficial da morte asfixia após enforcamento. Mary morreu aos 52 anos.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado, o nome da cunhada de John F. Kennedy Jr. que morreu em um acidente aéreo junto com ele era Lauren Bessette, e não Lauren Vineyard. O texto foi corrigido.

Internacional