PUBLICIDADE
Topo

Janela do cockpit racha, e avião com 178 pessoas faz pouso forçado na China

Avião despencou 3 km após a rachadura e precisou fazer pouso de emergência - Bogdan Khmelnytskyi/Getty Images/iStockphoto
Avião despencou 3 km após a rachadura e precisou fazer pouso de emergência Imagem: Bogdan Khmelnytskyi/Getty Images/iStockphoto

Do UOL, em São Paulo

09/07/2020 08h52

Operado pela Ruili Airlines, um voo realizado anteontem quase terminou em uma tragédia aérea na China.

Isso porque, segundo o The Sun, um modelo Boeing 737 que transportava 178 pessoas teve o vidro da janela do cockpit - cabine de pilotagem - rachado apenas 30 minutos após a decolagem.

Logo após o acidente, o avião despencou cerca de 10 mil pés (3 km) em apenas três minutos, deixando todos a bordo em pânico.

O fato obrigou o piloto a fazer um pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Chongqing Jiangbei, sudoeste do país asiático.

A causa da rachadura ainda não foi descoberta, de acordo com o jornal britânico. Ninguém se feriu e todos os passageiros foram realocados em outro voo da companhia.

Internacional