PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Garoto passa por cirurgia de reconstrução do rosto após ataque de cachorro

O garoto Camdon Bozbell antes e depois do ataque do pitbull; ele se recupera ao lado da mãe  - Reprodução/Daily Mails
O garoto Camdon Bozbell antes e depois do ataque do pitbull; ele se recupera ao lado da mãe Imagem: Reprodução/Daily Mails

Do UOL, em São Paulo

06/08/2020 14h36Atualizada em 06/08/2020 16h59

Um garoto de 6 anos precisou passar por uma cirurgia de reconstrução facial depois que foi atacado pelo cachorro da família. O caso aconteceu em Michigan (EUA), em abril deste ano.

Camdon Bozbell estava na casa da avó quando foi atacado. Ele estava pegando um biscoito para o cachorro, de nome Caos, quando este avançou e o mordeu no rosto.

A avó ouviu os gritos do menino e correu para socorrê-lo e afastar o cachorro do local. Camdon teve o nariz quebrado, uma fratura óssea e ainda uma lesão em um dos nervos. "Quando cheguei ao hospital esperava pelo pior", disse a mãe do menino, Tristin Lent, ao "Daily Mail".

Tristin deixou o filho com a mãe para fazer um trabalho de última hora. Ela é recepcionista e faxineira. Uma hora e meia depois, recebeu a ligação da polícia falando do ocorrido. "Eles não me deixaram ver Camdon logo, e depois uma enfermeira veio e me disse 'boas notícias, ele está respirando sozinho' e eu me desesperei", disse ela.

Quando ela pode ver o filho, ele estava com o rosto todo enfaixado e já tinha passado por uma cirurgia. Ela não tinha percebido a gravidade dos ferimentos. "Foi o pior dia da minha vida. Passei um mês chorando por Camdon", completou ela.

Caos está com a família há anos e nunca mostrou sinais de agressão. Segundo Tristin, até hoje eles não sabem ao certo porque ele atacou o garoto, se ele teria se assustado ou se queria comida. "Ele se chama Caos, mas esse nome não equivale ao seu temperamento", explicou ela.

Segundo ela, o filho não se importa com as cicatrizes, apenas se incomoda quando é parado na rua e questionado sobre o que aconteceu com o seu rosto.

Camdon se recupera bem após a cirurgia plástica. Já o paradeiro de Caos é desconhecido. O incidente ainda é investigado pelo Centro de Controle Animal.

Internacional