PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
2 meses

'Voltaremos de alguma forma', diz Trump em despedida

Do UOL, em São Paulo*

20/01/2021 11h08Atualizada em 20/01/2021 19h46

Donald Trump fez um discurso de despedida na manhã de hoje da presidência dos Estados Unidos com elogios ao seu próprio governo, dizendo que "voltará de alguma forma". Ele embarcou no Air Force One rumo a seu resort em Mar-a-Lago, na Flórida, onde chegou por volta de 13h40 (horário de Brasília).

Antes de voar, Trump participou de uma cerimônia na base aérea de Andrews, onde fez um discurso carregado de elogios ao próprio governo. Falando em "números impressionantes" na economia e "milagre" no desenvolvimento de vacinas contra covid-19 em nove meses, ele se despediu dos apoiadores presentes prometendo retornar.

"Nós concretizamos tanta coisa juntos", disse Trump pouco antes de embarcar no avião Air Force One com destino à Flórida, sua nova residência. "Eu sempre lutarei por vocês. Voltaremos de alguma forma", completou, diante de um público restrito que acompanhou seu embarque". Nos veremos em breve. Muito obrigado", disse.

Trump já havia avisado que não ficaria em Washington para a cerimônia de posse de seu sucessor, Joe Biden, que aconteceu nesta tarde, com início às 14h (horário de Brasília).

Mais cedo, Trump deixou a Casa Branca de helicóptero. Ao lado da primeira-dama Melania, Trump caminhou pelo tapete vermelho e parou no jardim da Casa Branca para uma rápida despedida antes de embarcar. Ele disse que o seu mandato foi de "quatro anos fantásticos" e que, para ele, representaram a grande "honra" de sua vida.

Donald Trump vai se instalar na residência luxuosa de Mar-a-Lago, em Palm Beach, na Flórida. Toda a sua família também vai morar no mesmo estado.

Melania e Trump - Noam Galai/Getty Images - Noam Galai/Getty Images
Melania e Donald Trump chegam ao Aeroporto Internacional de Palm Beach, na Flórida
Imagem: Noam Galai/Getty Images

Sem citar nome de Biden

No discurso, mais uma vez Trump não citou o nome de seu sucessor, Joe Biden. Mas desejou sorte, dizendo que deixou a base para que o democrata realizada uma boa administração.

"Desejo à nova administração muita sorte e muito sucesso. Acho que eles terão grande sucesso. Eles têm a base para fazer algo muito espetacular", disse.

Referindo-se mais uma vez ao novo coronavírus como "vírus chinês", Trump disse que a pandemia atrapalhou os resultados finais de seu governo, dizendo que foi preciso "se reconstruir duas vezes".

"Deixamos o país numa boa posição apesar da grande praga que nos atingiu", disse.

(Com AFP e RFI)

Internacional