PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
10 meses

Portugal: Arqueólogos descobrem vestígios de nau do século 17 durante obra

Escavações foram feitas em meio a construção de um hotel na região ribeirinha de Lisboa - Reprodução/Facebook/ERA Arqueologia
Escavações foram feitas em meio a construção de um hotel na região ribeirinha de Lisboa Imagem: Reprodução/Facebook/ERA Arqueologia

Colaboração para o UOL, em São Paulo

28/01/2021 17h15

Vestígios de um grande navio do final do século 17 foram descobertos durante escavações arqueológicas em meio a uma obra em Lisboa, Portugal.

A embarcação foi analisada por uma equipe de especialistas, que concluiu que a nau estava "muito bem preservada" e era usada "para a navegação atlântica".

A Direção-Geral de Patrimônio Cultural de Portugal revelou que "os vestígios arqueológicos encontrados correspondem a uma embarcação com cerca de 27 metros de comprimento, datada do final do século 17 até o início do 18".

Um relatório técnico, ao qual a agência de notícias lusa teve acesso, confirma que o estado de conservação do barco "é particularmente bom", não havendo casos em melhor condição no território nacional.

A embarcação, encontrada por uma equipe da empresa de serviço arqueológico ERA Arqueologia, conserva vários elementos originais que compõem o navio, entre os quais a quilha, o arranque da proa e a sobrequilha.

O documento ainda salienta que "o potencial científico [do achado] é muito elevado", dada a pouca documentação técnica existente sobre a construção naval na segunda metade do século 17 em Portugal.

Ainda segundo o relatório, o objetivo dos arqueólogos, após serem finalizadas as escavações, é o "subsequente estudo integral do conjunto e sua respectiva preservação".

Em seguida, a direção científica do projeto determinará a tutela do patrimônio histórico encontrado. As escavações arqueológicas ocorreram na região ribeirinha de Lisboa, em meio a construção de novos edifícios destinados a um hotel e a apartamentos residenciais.

A uma distância de 7,4 abaixo do solo, as escavações também revelaram outros objetos, que remetem ao período do Império Romano.

Internacional