PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Nova York detecta primeiro caso de variante brasileira do novo coronavírus

Arquivo - O governador de Nova York, Andrew Cuomo (foto), disse que o paciente não tem histórico de viagens recentes - Spencer Platt/Getty Images
Arquivo - O governador de Nova York, Andrew Cuomo (foto), disse que o paciente não tem histórico de viagens recentes Imagem: Spencer Platt/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

21/03/2021 07h58

O governador de Nova York, Andrew Cuomo, anunciou ontem que o estado registrou o primeiro caso de um paciente infectado pela variante P.1 do novo coronavírus, encontrada inicialmente no Brasil.

Trata-se de um paciente na faixa dos 90 anos que mora no Brooklyn e não tem histórico de viagens recentes. O caso foi identificado por cientistas do Hospital Mount Sinai na cidade de Nova York. A identidade do paciente não foi divulgada.

"A detecção da variante brasileira aqui em Nova York ressalta ainda mais a importância de tomar todas as medidas apropriadas para continuar a proteger sua saúde", disse Cuomo em um comunicado.

Dados dos CDCs (Centros de Controle e Prevenção de Doenças) dos Estados Unidos mostram que cerca de 48 casos da variante já foram relatados em pelo menos 16 estados.

O primeiro caso da variante identificada no Brasil foi confirmado nos Estados Unidos no dia 25 de janeiro, no estado de Minnesota. O paciente tinha histórico de viagem de recente ao Brasil.

Os Estados Unidos anunciaram em maio do ano passado a proibição da entrada de estrangeiros vindos do Brasil em seu território. Em janeiro deste ano, o presidente Joe Biden manteve a medida.

Internacional