PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
3 meses

Vaca fica presa em árvore após passagem de furacão Ida e mobiliza socorro

Do UOL, em São Paulo

01/09/2021 20h56Atualizada em 01/09/2021 21h05

Uma vaca ficou presa em cima de uma árvore após a passagem do furacão Ida pelo estado de Louisiana (EUA), que levou ventos de até 240 km/h ao país. O vídeo da operação de resgate inusitada ganhou atenção nas redes sociais, onde ficou registrado o esforço da equipe da cidade de Florissant, que se reuniu em uma área ainda alagada e usou serras para salvar o animal.

A equipe de socorro era liderada por membros da paróquia St. Bernard, que compartilhou as imagens nas redes sociais, onde elas já contabilizam 75 mil visualizações.

O potente furacão Ida atingiu a Louisiana na segunda-feira (30) e deixou Nova Orleans no escuro, com o balanço de ao menos uma pessoa morta. O registro se dá 16 anos após a passagem devastadora do furacão Katrina pela cidade, a maior do estado.

O furacão

Para o governo local, o Ida é o segundo maior furacão a atingir o estado desde o Katrina. Ele chegou às costas da Louisiana como um furacão de categoria 4, com ventos de até 240km/h, mas poucas horas depois foi rebaixado para categoria 1. A queda de energia provocada pela tempestade afetou mais de um milhão de habitantes, segundo o site PowerOutage.US. Cerca de 70 mil pessoas também sofreram com a falta de luz no estado do Mississippi - para onde o furacão se dirigiu posteriormente.

Às 23h00 de domingo (29) (1h00 de segunda-feira, horário de Brasília), 0 Ida avançava com ventos de 153 km/h, menos violentos do quando tocou o solo algumas horas antes, a 60 km ao sul de Nova Orleans.

Morte indireta

Uma vítima indireta do furacão Ida, um homem de 71 anos, morreu no estado ainda na segunda-feira na cidade de Slidell, após ser atacado por um jacaré no galpão de sua casa, que estava alagado devido aos efeitos da tempestade.

Timothy Satterlee desceu as escadas de sua casa para checar a situação do galpão inundado e não percebeu que lá havia um jacaré escondido.

Sua esposa, de 60 anos, se assustou com um barulho e desceu para o local. Ao se deparar com o incidente, seu marido já estava sem o braço, gritando com dores e pedindo ajuda, segundo Lance Vitter, porta-voz do gabinete do xerife.

A mulher tentou fazer ligações para pedir socorro, mas a região estava sem sinal devido ao Ida. Quando a mulher voltou ao galpão, Satterlee já estava inconsciente. Ela tentou estancar o sangue com um pedaço de tecido, mas o homem não sobreviveu.

*Com informações de AFP e Ansa

Internacional