PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Vulcão Monte Aso entra erupção no Japão e gera alerta no país

Fumaça e cinzas são vistas durante a erupção do Monte Aso - Twitter / @ NINJA250_NBYK via Reuters
Fumaça e cinzas são vistas durante a erupção do Monte Aso Imagem: Twitter / @ NINJA250_NBYK via Reuters

Do UOL*, em São Paulo

20/10/2021 08h41Atualizada em 20/10/2021 08h45

O vulcão Monte Aso, na ilha Kyushu, no Japão, entrou em erupção liberando uma gigantesca coluna de cinzas de 3.500 metros de altura. Dezenas de pessoas fugiram do local e, até o momento, não foram registrados feridos por conta do fenômeno. As autoridades entraram em alerta para possíveis fluxos de lava e queda de rochas. A recomendação é de evitar o local no momento.

A erupção ocorreu por volta das 23h43 de ontem no horário de Brasília. Já era de manhã em Tóquio e, segundo a polícia, 16 pessoas que haviam feito caminhadas na montanha no início do dia voltaram em segurança. O nível de alerta aumentou para 3 em uma escala de 5,

Ainda, segundo as autoridades, as encostas do vulcão estavam cobertas por torrentes de cinzas, que se deslocavam na direção de um museu próximo. Nas redes sociais, pessoas que estavam no local compartilharam o momento da erupção.

O vulcão possui 1.592 metros de altura e está localizado no chamado "Anel de Fogo do Pacífico, onde se registra parte importante dos terremotos e erupções no mundo. Ele é um dos vulcões mais vigiados dos mais de 100 que permanecem ativos no Japão, como o Monte Fuji, a 100 quilômetros de Tóquio.

O Monte Aso teve uma pequena erupção em 2019, mas foi em setembro de 2014, que o país sofreu a erupção mais letal em quase 90 anos, quando o Monte Ontake entrou em atividade inesperadamente e matou mais de 60 pessoas.

*Com AFP e Reuters

Internacional