PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Sanguessuga de 15 cm é achada na garganta de menina que sentia falta de ar

Sanguessuga retirada da garganta de menina de 5 anos - Divulgação/Wenshan Prefecture People"s Hospital of Yunnan Province
Sanguessuga retirada da garganta de menina de 5 anos Imagem: Divulgação/Wenshan Prefecture People's Hospital of Yunnan Province

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/06/2022 04h00

Uma menina de 5 anos foi levada ao hospital devido a problemas respiratórios que sentia havia vários dias. Depois de alguns exames, os médicos ficaram chocados ao descobrirem uma sanguessuga na garganta dela.

De acordo com o Yahoo News, a criança foi encaminhada ao Departamento de Pediatria do Hospital Popular de Wenshan, na China, no dia 30 de maio. Ela sofria de crises de tosse e falta de ar. Os pais não sabiam o que poderia ter causado o transtorno à menina, a princípio imaginaram que ela estava com um forte resfriado e dispneia — dificuldade para respirar.

Em alguns momentos, a paciente se queixava de aperto no peito e fadiga, devido às dificuldades respiratórias.

Os médicos realizaram exames na garganta da menina para identificar os elementos que estariam prejudicando as vias respiratórias. Eles ficaram espantados quando perceberam a presença de um estranho ser vivo obstruindo a passagem muscular perto da laringe.

O especialista e uma equipe da unidade de saúde conseguiram remover a criatura, que na verdade se tratava de uma sanguessuga, de aproximadamente 15 cm de comprimento.

menina - Divulgação/Wenshan Prefecture People's Hospital of Yunnan Province - Divulgação/Wenshan Prefecture People's Hospital of Yunnan Province
Menina de 5 anos foi internada em hospital na China
Imagem: Divulgação/Wenshan Prefecture People's Hospital of Yunnan Province

O procedimento ocorreu sem causar danos à menina, que se recuperou rapidamente e recebeu alta do hospital em seguida.

O caso não é inédito. Em 2019, um homem teve coceira na garganta e tosse com sangue durante meses antes que a causa do desconforto fosse descoberta. Após procurar ajuda médica, descobriu-se que ele tinha uma sanguessuga de 10 cm de comprimento em sua traqueia.

Internacional