Conteúdo publicado há 1 mês

Jovem é morto com um tiro na cabeça após discussão em boate na Argentina

Um jovem de 20 anos foi assassinado com um tiro na cabeça em uma boate na cidade de San Justo, em Buenos Aires.

O que aconteceu

Gianfranco Di Luciano acabou sendo baleado por outro jovem, de 19 anos. As informações são do jornal El Clarín. O crime ocorreu na manhã de ontem (14), em no Woodstock Theatre, local utilizado para recitais e festas privadas, no bairro La Matanza.

Um dos tiros acertou a cabeça de Di Luciano, que foi declarado morto no local, segundo apurou a rede de televisão Telefe.

O suspeito, um jovem de 19 anos, fugiu em um carro Fiesta que foi rastreado pela polícia. Identificado como Yoel Taiel Tambussi, o jovem trocou tiros com a polícia ao ser abordado, mas acabou preso pelo crime. Ele estava foragido por um assassinato cometido no ano passado.

Tambussi foi denunciado por "homicídio agravado pelo uso de arma de fogo". Como ele foi encontrada uma pistola 9 milímetros que, segundo a polícia, seria do mesmo calibre que a usada para matar Di Luciano, segundo o Clarín.

Errata:

o conteúdo foi alterado

  • Diferentemente do publicado inicialmente, não houve discussão por conta de uma partida de boliche entre vítima e suspeito. O texto foi corrigido.

Deixe seu comentário

Só para assinantes