PUBLICIDADE
Topo

Meio Ambiente

National Geographic reconhece um novo oceano e eleva o total para cinco

A organização disse que o Oceano Antártico consiste nas águas ao redor da Antártica, a 60 graus de latitude sul - Laurel Chor/Greenpeace
A organização disse que o Oceano Antártico consiste nas águas ao redor da Antártica, a 60 graus de latitude sul Imagem: Laurel Chor/Greenpeace

Colaboração para o UOL

10/06/2021 12h18Atualizada em 10/06/2021 15h10

A National Geographic Society, uma organização científica e educacional sem fins lucrativos cujos padrões de mapeamento são utilizados por atlas e cartógrafos, anunciou que vai reconhecer a existência de um novo Oceano Antártico, na Antártica. Agora, são cinco no total. A informação foi divulgada pelo jornal britânico The Guardian.

O geógrafo Alex Tait, integrante da instituição, disse que os cientistas sabem há muito tempo que as águas que cercam a Antártica formam uma região distinta. Tait ressaltou ao jornal americano The Washington Post a importância de reconhecer a área como um oceano.

"Pensamos que seria importante neste momento reconhecê-lo oficialmente," afirmou. "As pessoas nos procuram em busca de fatos geográficos: quantos continentes, quantos países, quantos oceanos? Até agora, dissemos quatro oceanos (Ártico, Atlântico, Índico e Pacífico)", disse Tait..

As tentativas de ratificar as fronteiras e o nome do Oceano Antártico internacionalmente não deram certo. O conceito foi proposto à IHO (Organização Hidrográfica Internacional), mas os membros discordaram.

"Achamos que é realmente importante do ponto de vista educacional, bem como do ponto de vista de rotulagem de mapas, chamar a atenção para o Oceano Antártico como um quinto oceano", defendeu Tait. "Quando os alunos aprendem sobre as partes do mundo oceânico, eles aprendem que é um oceano interconectado e que existem essas regiões chamadas oceanos que são realmente importantes, e há uma diferente nas águas geladas ao redor da Antártica."

Meio Ambiente