Operação Lava Jato

1/3 dos senadores está na lista do Fachin; veja lista

Do UOL, em São Paulo

  • Alan Marques/ Folhapress

    Aécio é alvo de cinco pedidos de inquérito de Fachin

    Aécio é alvo de cinco pedidos de inquérito de Fachin

Quase um terço dos senadores está na lista de pedidos de inquérito do ministro Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal)De acordo com a publicação desta terça-feira, o grupo de 24 de 81 senadores faz parte do total de 98 alvos dos 76 inquéritos autorizados com base nos pedidos da PGR (Procuradoria-Geral da República) após delações de 78 executivos e ex-executivos do Grupo Odebrecht, todos com foro privilegiado no STF. 

Com acesso ao despachos do ministro Fachin, o jornal afirma que os senadores Aécio Neves (MG), presidente do PSDB, e Romero Jucá (RR), presidente do PMDB, são os políticos com o maior número de inquéritos a serem abertos: 5, cada um. O senador Renan Calheiros (PMDB-AL), ex-presidente do Senado, vem em seguida, com 4.

As investigações que tramitarão especificamente no Supremo com a autorização do ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato na Corte, foram baseadas nos depoimentos de 40 dos 78 delatores.
 
Os relatos de Marcelo Odebrecht, ex-presidente e herdeiro do grupo, são utilizados em 7 inquéritos no Supremo. Entre os executivos e ex-executivos, o que mais forneceu subsídios para os pedidos da PGR foi Benedicto Júnior, (ex-diretor de Infraestrutura) que deu informações incluídas em 34 inquéritos. Alexandrino Alencar (ex-diretor de Relações Institucionais) forneceu subsídios a 12 investigações, e Cláudio Melo Filho (ex-diretor de Relações Institucionais) e José de Carvalho Filho (ex-diretor de Relações Institucionais), a 11.
 
Os crimes mais frequentes descritos pelos delatores são de corrupção passiva, corrupção ativa, lavagem de dinheiro e falsidade ideológica. Há também descrições a formação de cartel e fraude a licitações.

As informações foram antecipadas pelo jornal "O Estado de S.Paulo" e confirmadas posteriormente pelo UOL

 

 

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos