Topo

"Moro vem perdendo força no governo", diz Alexandre Frota

Do UOL, em São Paulo

20/08/2019 01h04

O deputado federal Alexandre Frota (PSDB-SP) disse que o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, vem perdendo força e espaço dentro do governo, seja por conta da publicação de uma série de conversas vazadas entre ele e procuradores da Lava Jato, seja por conta de propostas que não deslancharam.

"O Moro vem perdendo espaço dentro do governo. O pacote anticrime que ficou parado, o Coaf [Conselho de Controle de Atividades Financeiras] que saiu da mão dele. Todos os dias têm uma situação entre o Moro e o Jair [Bolsonaro] que me levam a acreditar que o ministro vem perdendo força", afirmou na edição de ontem à noite do programa Roda Viva, da TV Cultura, transmitida ao vivo pelo UOL.

Frota classificou o episódio das conversas vazadas como algo "realmente grave", mas preferiu não opinar sobre uma possível saída de Moro do ministério, dizendo que ele ainda reúne condições para se manter no cargo, apesar da pressão que vem sofrendo.

Outros ministros

Questionado sobre qual é melhor ministro de Bolsonaro, em sua opinião, Frota citou dois dentre os 22. "Eu acho que quem não tem dado trabalho nenhum para a gente é o Tarcísio [Gomes de Freitas, ministro da Infraestrutura]. Não sei se é o melhor... Tem a Tereza [Cristina, ministra da Agricultura] também", disse.

Incitado a falar sobre o ministro Paulo Guedes, da Economia, o deputado disse que ele o agrada, embora tenha "um gênio muito forte". "Você tem que saber lidar com ele. Eu estava falando na questão de construir os 'muros', que várias vezes desmoronaram por declaração de um ou de outro. O Paulo, você tem que saber lidar."

Sobre Ernesto Araújo, das Relações Exteriores, o deputado disse que ele é "extremamente ideológico". "Acho que ele se posiciona de uma maneira muito ideológica. Não gosto dele."

Frota avalia Damares e mais dois ministros do governo Bolsonaro

UOL Notícias

Frota ironizou Damares Alves, ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. "O que que eu posso falar de uma senhora que durante 30 anos teve problema com Pica-Pau, problema com Popeye e que acha que o personagem do Frozen é gay?"

Por fim, Frota falou sobre o ministro da Educação, Abraham Weintraub. "Esse, conheci pouco. É uma indicação do Olavo [de Carvalho], então eu tenho pouco para falar dele. Acho ele um cara fechado. Achei que não foi bom aquele episódio dele sendo sabatinado e comendo um sanduíche, um hambúrguer ou coisa assim. Chupando os dedos. Tem coisas que acho que não precisava ser feito."

Mais Política