Topo

Carlos Bolsonaro critica recado de Major Olímpio a Bolsonaro: "Estarrecido"

Vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ), no Palácio do Planalto - Dida Sampaio/Estadão Conteúdo
Vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ), no Palácio do Planalto Imagem: Dida Sampaio/Estadão Conteúdo

Do UOL, em São Paulo

08/10/2019 15h42

Carlos Bolsonaro (PSC-RJ) reagiu hoje às declarações do senador Major Olímpio (PSL) sobre seu pai, o presidente Jair Bolsonaro (PSL), que indicou mais cedo que poderia deixar o partido.

"Com todo respeito ao Major Olímpio. Lembro exatamente como foi sua campanha para senador e dos detalhes no hospital, mas que fazem parte da vida pública. Fico estarrecido da maneira como este senhor trata o presidente hoje! Ninguém é imune a críticas, mas meu Deus! É surreal", escreveu o vereador em seu perfil do Twitter.

Major Olímpio rebateu o filho do presidente, ao dizer que é um defensor de Jair Bolsonaro e de seu governo no Senado.

A troca de farpas no Twitter começou quando, em contato com o UOL, Major Olímpio disse não acreditar que o presidente da República possa deixar o PSL por duvidar que ele encontre outro partido "que tenha a robustez que criou exatamente por causa dele".

"Ou vai começar do zero em outro partido, e aí não vai conseguir ter o tamanho da robustez que construiu, ou vai para uma legenda maior e não vai ter garantia de ser o personagem principal e tão disparadamente diferenciado de todos os demais, como ele é no PSL", disse o senador.

Ontem, Major Olímpio voltou a criticar o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ). "Flávio Bolsonaro para mim acabou, não existe", afirmou o líder do partido no Senado em entrevista ao "Broadcast", sistema de notícias do Grupo Estado.

Governo Bolsonaro