PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
3 meses

Irmão de Carla Zambelli é nomeado no Ministério da Agricultura

A deputada Carla Zambelli (PSL-SP) - Cleia Viana/Câmara dos Deputados
A deputada Carla Zambelli (PSL-SP) Imagem: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

Amanda Rossi e Lucas Valença

Do UOL, em São Paulo

25/05/2021 10h13

O irmão da deputada bolsonarista Carla Zambelli (PSL-SP), Bruno Zambelli Salgado, foi nomeado chefe de gabinete da Secretaria Especial de Assuntos Fundiários, vinculado ao Ministério da Agricultura, comandado pelo secretário especial Luiz Antônio Garcia.

A nomeação do familiar da parlamentar foi publicada no DOU (Diário Oficial da União) de hoje e assinada nesta segunda-feira (24) pelo secretário-executivo do Ministério da Agricultura, Marcos Montes.

O novo integrante do governo deverá receber no ministério um salário de R$ 10.373,30 por ocupar o cargo como DAS 101-4. A função é a terceira mais bem remunerada da pasta.

Em 2020, Bruno Zambelli chegou a ser candidato a vereador de São Paulo pelo PRTB nas eleições de 2020, mas não foi eleito. O irmão da deputada chegou a declarar um total de bens no valor de R$ 170.837,00.

No mesmo pleito, o pai da parlamentar, João Hélio Salgado, e a cunhada da deputada considerada da 'tropa de choque' do governo, Tatiana Zambelli, também foram derrotados nas urnas.

Já o marido de Carla Zambelli, Antônio Aginaldo de Oliveira, também possui uma função de destaque no Executivo ao ser comandante da Força Nacional, vinculado ao Ministério da Justiça.

Recentemente, Carla Zambelli foi a responsável pela ação na Justiça Federal de Brasília contra a escolha do senador Renan Calheiros (MDB-AL) à relatoria da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid.

Inicialmente, o pedido foi aceito pelo juiz Charles Renaud Frazão, da 2ª Vara Cívil, que emitiu uma liminar contra o emedebista, mas a decisão, considerada inconstitucional, foi derrubada em seguida.

Política