PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
6 meses

Cunha ironiza afagos de Lula a Dilma: 'Tenho orgulho do impeachment'

O ex-deputado Eduardo Cunha questionou o orgulho que Lula diz sentir pela ex-presidente - Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
O ex-deputado Eduardo Cunha questionou o orgulho que Lula diz sentir pela ex-presidente Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Colaboração para o UOL

01/02/2022 19h54Atualizada em 01/02/2022 22h15

O ex-deputado federal Eduardo Cunha (MDB-RJ) ironizou, em publicações no Twitter hoje, afagos feitos pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a Dilma Rousseff, ambos do PT.

"Assim como Lula tem muito orgulho da Dilma, eu também tenho muito orgulho de ter aberto o processo de impeachment dela. O Brasil só ganhou com isso", escreveu, após compartilhar uma notícia sobre o petista afirmar sentir orgulho da ex-presidente.

Dilma tem recebido elogios públicos de Lula e aliados em meio a notícias de que o PT quer afastá-la da campanha à Presidência da República por causa do mal desempenho na economia nos governos da petista.

Porém, em entrevista no dia 28 de janeiro, Lula disse, após declarar o profundo respeito e admiração pela aliada, que lhe parecia "que ela não gostava muito de conversar". "E tem gente que é assim", disse.

O ex-presidente já havia dito que Dilma não tinha "jogo de cintura" nem a "paciência que a política exige".

Em meio aos tweets ironizando os afagos entre os ex-presidentes, Cunha fez propaganda do seu livro "Tchau, querida". "Eu recomendo a todos a leitura do meu livro 'Tchau, querida', onde tudo sobre o impeachment e a relação com os governos do PT, respondem ao que Lula falou."

Política