Conteúdo publicado há 1 mês
OpiniãoPolítica

Josias: Fuga de condenados do 8/1 é alerta para vigiar próximos da fila

A fuga de ao menos dez condenados pelos atos golpistas de 8/1, como revelado com exclusividade pelo UOL, serve como um alerta para vigiar os próximos envolvidos que irão a julgamento, afirmou Josias de Souza no UOL News desta terça (14).

Essa reportagem nos alerta para outro aspecto. Por ora, estamos lidando com condenações que atingem a arraia-miúda do golpe. Gente que se deixou manipular e entrou nos prédios dos Três Poderes e vandalizou os símbolos da República. Não chegamos ainda ao [Jair] Bolsonaro e ao alto comando do golpe.

Se estão fugindo aqueles que o Bolsonaro chama de 'pobres coitados', imaginem o que pode acontecer nesse alto comando do golpe. É uma espécie de alerta. O Estado não pode ser tão inepto e permitir que as pessoas fujam assim. É preciso vigiar quem está na fila, com condenações esperando para acontecer, para que não fujam durante o julgamento ou, pior ainda, depois de condenados. Josias de Souza, colunista do UOL

Josias chamou a atenção para o descuido do Estado na vigilância dos fugitivos, já que eles conseguiram não só quebrar suas tornozeleiras eletrônicas, mas também cruzar as fronteiras do país sem dificuldades.

O que mais impressiona aí é a inépcia do Estado. Quando um magistrado manda grudar uma tornozeleira na perna de alguém, pressupõe-se que o Estado está vigiando aquela pessoa, mas verificamos que não está. Dez não é um número negligenciável.

Isso permite a quem está condenado o instinto de fugir e fazer pose de vítima, de perseguido e de refugiado em outro país. Outro aspecto curioso é que eles são de estados governados por bolsonaristas. É essencial tentar recapturar essas pessoas. Josias de Souza, colunista do UOL

O que aconteceu

Ao menos dez militantes bolsonaristas condenados ou investigados por participarem dos atos golpistas de 8/1 quebraram suas tornozeleiras eletrônicas e fugiram do Brasil. A maioria é de estados do Sul (PR e SC) e Sudeste (SP e MG).

O UOL News vai ao ar de segunda a sexta-feira em duas edições: às 10h com apresentação de Fabíola Cidral e às 17h com Diego Sarza. O programa é sempre ao vivo.

Continua após a publicidade

Opinião

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Deixe seu comentário

Só para assinantes