Sanders pede recontagem de votos após derrota apertada para Hillary

Em Washington

  • Robyn Beck/AFP

O senador americano Bernie Sanders pediu nesta terça-feira uma recontagem dos votos da primária democrata da semana passada em Kentucky, depois que os resultados preliminares indicaram uma estreita vitória para a favorita Hillary Clinton.

"Solicito uma verificação total e completa e uma revisão de cada uma das urnas e das cédulas faltantes de todos os centros de votação dos 120 condados envolvidos na eleição primária da corrida presidencial democrata de 2016", escreveu Sanders, em carta dirigida à secretária de Estado do Kentucky, Alison Lundergan Grimes.

Resultados preliminares publicados pelo Conselho Eleitoral do estado de Kentucky indicam que Clinton superou Sanders por 212.550 votos (46,8%) contra 210.626 (46,3%), uma diferença de menos de 2.000 votos.

Lundergan Grimes, que apoia Clinton, publicou o pedido de Sanders no Twitter e disse que a contagem será realizada na quinta-feira para "verificar a exatidão dos votos totais reportados pelas urnas".

Mas uma recontagem dos votos dificilmente modificará substancialmente a direção da corrida presidencial democrata, onde Clinton tem virtualmente assegurada a posse, devido a ampla vantagem em número de delegados.

Clinton conseguiu 2.301 delegados, incluindo os chamados super-delegados, e lhe faltam apenas 82 para chegar aos 2.383 que necessita para garantir a nomeação do partido.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos