PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Surto de covid-19 na Bélgica supera as previsões 'mais pessimistas', diz premiê

17.jul.2021 - O comissário europeu para Justiça, Didier Reynders (à esquerda), o primeiro-ministro belga, Alexander De Croo (ao centro) e a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, visitam área afetada em Pepinster (Bélgica) - Yves Herman/Reuters
17.jul.2021 - O comissário europeu para Justiça, Didier Reynders (à esquerda), o primeiro-ministro belga, Alexander De Croo (ao centro) e a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, visitam área afetada em Pepinster (Bélgica) Imagem: Yves Herman/Reuters

Da AFP

25/11/2021 11h58Atualizada em 25/11/2021 12h39

O aumento de casos de covid-19 e de hospitalizações relacionadas a essa doença na Bélgica é "maior que as curvas mais pessimistas" esboçadas na semana passada pelos especialistas, anunciou o primeiro-ministro belga Alexander De Croo nesta quinta-feira (25).

O líder se reunirá na sexta-feira com os chefes das entidades federadas para decidir novas medidas.

"Os últimos dados coletados mostram que a situação epidemiológica se deteriorou consideravelmente nos últimos dias", destacou De Croo em um comunicado.

Coronavírus