PUBLICIDADE
Topo

Guerra da Rússia-Ucrânia

Notícias do conflito entre Rússia e Ucrânia


Conteúdo publicado há
1 mês

Zelensky diz que 87 ucranianos morreram em ataque russo contra base militar

Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, afirmou que 87 pessoas morreram em um ataque russo no dia 17 de maio - Reprodução/Telegram/Volodymyr Zelensky
Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, afirmou que 87 pessoas morreram em um ataque russo no dia 17 de maio Imagem: Reprodução/Telegram/Volodymyr Zelensky

23/05/2022 10h54Atualizada em 23/05/2022 11h05

O presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, afirmou nesta segunda-feira que 87 pessoas morreram em um ataque russo no dia 17 de maio contra uma base militar no norte do país..

"Hoje, sob os escombros em Desna, há 87 vítimas. Oitenta e sete corpos", afirmou Zelensky em uma mensagem por vídeo a Fórum Econômico Mundial de Davos, em referência ao ataque russo contra uma localidade na região de Chernihiv que abriga uma base militar ucraniana.

O balanço pode ser um dos mais letais dos bombardeios russos na Ucrânia desde o início da guerra em 24 de fevereiro.

O bombardeio aconteceu em uma localidade que abriga um grande centro de treinamento militar e fica 60 km ao norte de Kiev, na região de Chernihiv.

Um balanço divulgado pela imprensa local citava oito mortos e 12 feridos.

Este foi um ataque incomum nesta região próxima da capital, que foi recuperada há algumas semanas pelos soldados ucranianos após a retirada dos russos da região de Kiev.

"Estas pessoas não conhecerão o futuro da Ucrânia", acrescentou Zelensky, em referência às vítimas.

A Ucrânia "paga caro pela liberdade e a independência neste combate" acrescentou.