PUBLICIDADE
Topo

Coronavírus

Coronavírus: Justiça suspende reabertura de comércio em Duque de Caxias

A Prefeitura de Duque de Caxias já havia tentado reabrir o comércio em maio, mas também foi impedida pela Justiça na ocasião - Estefan Radovicz/Estadão Conteúdo
A Prefeitura de Duque de Caxias já havia tentado reabrir o comércio em maio, mas também foi impedida pela Justiça na ocasião Imagem: Estefan Radovicz/Estadão Conteúdo

25/06/2020 07h26

A Justiça do Rio de Janeiro determinou a suspensão do decreto municipal que permitia a reabertura do comércio na cidade de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

O município havia autorizado o funcionamento de estabelecimentos comerciais no dia 8 de junho, seguindo o decreto estadual.

Por meio de nota, a prefeitura de Duque de Caxias informou que entrou com pedido de suspensão dos efeitos da liminar da 3ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Rio.

Ainda segundo a prefeitura, "a cidade vem realizando diversas ações de combate ao novo coronavírus, como a testagem em massa da população, além de estar entre as dez cidades do país com os menores índices de contaminação da covid-19, conforme mostra um levantamento do site de dados Farol Covid".

A prefeitura já havia tentado reabrir o comércio em maio, mas também foi impedida pela Justiça na ocasião. Washington Reis (MDB), prefeito de Duque de Caxias, chegou a ser multado pela medida.

Em março, Washington disse que não fecharia as igrejas da cidade com a justificativa de que a cura para a covid-19 viria de lá. Em abril, o prefeito contraiu o vírus e teve que ser internado.

Segundo dados divulgados ontem pela Secretaria de Saúde do estado do Rio de Janeiro, Duque de Caxias possui 2,8 mil casos oficiais de covid-19 e 383 mortes pela doença.

Coronavírus