PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Papa diz 'sonhar' com paz entre Israel e Palestina

Arquivo - O papa Francisco falou sobre a situação dos conflitos de diversos países da região - VINCENZO PINTO / AFP
Arquivo - O papa Francisco falou sobre a situação dos conflitos de diversos países da região Imagem: VINCENZO PINTO / AFP

Cidade do Vaticano

24/06/2021 08h24

Durante a 94ª plenária da Reunião das Obras para Ajuda às Igrejas Orientais (Roaco), realizada hoje no Vaticano, o papa Francisco falou sobre a situação dos conflitos de diversos países da região e disse "sonhar" com a paz entre Israel e Palestina.

"Sonhamos sempre que nos céus se estenda o arco da paz, dado por Deus a Noé, como sinal de aliança entre o céu e a terra e da paz entre os homens. Muito acontece, porém, que aqueles céus ficam repletos de bombas que levam a destruição, a morte e o medo", disse aos presentes.

Em maio, um conflito armado entre grupos palestinos e Israel de 11 dias deixou mais de 260 mortos nos dois lados, incluindo dezenas de crianças, além de um rastro de destruição. Logo após a assinatura do cessar-fogo, Francisco celebrou o fim do confronto e pediu que as partes "sigam o caminho do diálogo" para encontrar a paz.

O líder católico ainda destacou que foi informado que a "coleta para a Terra Santa" de 2020, que é realizada em igrejas de todo o mundo, teve cerca de metade do valor na comparação com os anos passados.

"Certamente, pesaram os longos meses nos quais as pessoas não puderam ir às igrejas para as celebrações, mas também a crise econômica gerada pela pandemia [de Covid-19]. Se de um lado isso faz bem, porque nos obriga a focar no essencial, todavia não pode nos deixar indiferentes também pensando nas estradas desertas de Jerusalém, sem peregrinos que vão regenerar-se na fé, mas também exprimir solidariedade concreta com as Igrejas e as populações locais", pontuou.

Internacional