PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Biden confunde Suécia com Suíça em coletiva durante cúpula da Otan

29.jun.22 - O presidente dos EUA, Joe Biden, espera o início de uma mesa redonda na cúpula da OTAN em Madri, Espanha - POOL/REUTERS
29.jun.22 - O presidente dos EUA, Joe Biden, espera o início de uma mesa redonda na cúpula da OTAN em Madri, Espanha
Imagem: POOL/REUTERS

Da EFE, em Madri (Espanha)

30/06/2022 15h15

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, cometeu uma gafe nesta quinta-feira (30) ao confundir a Suécia com a Suíça durante a entrevista coletiva com a qual fechou sua participação na cúpula da Otan, em Madri.

Biden falava sobre o convite formal da Otan para que Suécia e Finlândia entrem para a aliança militar e lembrou quando o presidente finlandês, Sauli Niinistö, sugeriu que ele telefonasse para a primeira-ministra sueca, Magdalena Andersson - e foi nesse momento que citou o país errado, mas se corrigiu em seguida.

"Recebi um telefonema do líder da Finlândia perguntando se poderia vir e me encontrar. Ele veio no dia seguinte e perguntou: 'Você apoiaria que meu país aderisse à Otan?'. Fomos ao telefone, e ele sugeriu que ligássemos para a líder da Suíça", disse, para emendar com a autocorreção.

"Suíça... Meu Deus, estou ficando muito nervoso aqui com a expansão da Otan. Da Suécia", disse.

Não é tão incomum o presidente americano ter esse tipo de lapso. Ele mesmo já admitiu ser "uma máquina de gafes".

Aqueles que conhecem Biden dizem que ele tem uma gagueira desde a infância que às vezes lhe dificulta a fala, e atribuem alguns dos momentos mais embaraçosos de sua longa carreira política a sua natureza espontânea.

Internacional