PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

México pede desculpas por massacre de chineses na cidade de Torreón em 1911

México pede desculpas por massacre de chineses na cidade de Torreón em 1911 -
México pede desculpas por massacre de chineses na cidade de Torreón em 1911

17/05/2021 15h46

O presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, emitiu nesta segunda-feira um pedido de desculpas formal pelo massacre de 303 chineses na cidade de Torreón, no norte do país, em 1911.

"O Estado mexicano não permitirá, nunca mais, racismo, discriminação e xenofobia", disse o presidente durante a cerimônia em Torreón.

O massacre cometido entre 13 e 15 de maio de 1911 ocorreu em meio à Revolução Mexicana, quando rebeldes que combatiam sob Francisco I. Madero assumiram o controle da cidade.

Durante o massacre, mais de 300 chineses foram mortos e suas casas e negócios foram incendiados.

O evento desta segunda-feira contou com a presença do embaixador chinês no México, Zhu Qingqiao, além de autoridades mexicanas de alto escalão, incluindo os chefes do Exército e da Marinha e os ministros das Relações Exteriores e do Interior.

Internacional