Conteúdo publicado há 3 meses

Fernández recebe presidente eleito Milei para iniciar transição de governo

O presidente eleito da Argentina, Javier Milei, chegou na manhã de terça-feira à residência presidencial em Buenos Aires para se encontrar com o presidente Alberto Fernández e dar início a uma transição que parece ser complexa.

A televisão local mostrou a chegada de Milei, um libertário que prometeu privatizar empresas públicas, eliminar o banco central e dolarizar a economia, na residência presidencial em Olivos. Fernández não conseguiu controlar a inflação, que está chegando a 150%.

Milei, que assume o cargo em 10 de dezembro, enfrenta um enorme desafio para controlar os aumentos de preços, reconstruir as reservas de moeda estrangeira esgotadas, reduzir a pobreza que subiu acima de 40% e navegar por complexos laços geopolíticos e comerciais com a China e o Brasil.

Os porta-vozes de Milei e Fernández não quiseram dar mais detalhes sobre a reunião.

Milei, um libertário que agitou o cenário político do país sul-americano com sua ascensão abrupta, venceu o peronista Sergio Massa no segundo turno das eleições de domingo.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes