PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Paciente que recebeu fígado de youtuber morre após transplante no Paraná

Isabelly Cristine Santos, 14, teve morte confirmada após levar tiro na cabeça no PR - Guilherme Andrade/Divulgação
Isabelly Cristine Santos, 14, teve morte confirmada após levar tiro na cabeça no PR Imagem: Guilherme Andrade/Divulgação

Fabiana Marchezi

Colaboração para o UOL

20/02/2018 11h11

O Hospital Nossa Senhora das Graças, em Curitiba, no Paraná, confirmou nesta terça-feira (20) ao UOL a morte do paciente que recebeu o fígado doado pela youtuber e modelo Isabelly Cristine Santos. A jovem não resistiu ao ser baleada na cabeça após um desentendimento no trânsito, em Pontal do Paraná, na última quarta-feira (14).

O transplante havia sido feito na quinta-feira (15) e desde então o paciente, cuja identidade não foi divulgada, estava internado na Unidade de Terapia Intensiva do hospital. Segundo o boletim divulgado pela assessoria da unidade médica, o paciente “não respondeu bem ao procedimento e faleceu recentemente, mesmo diante de cuidados intensivos”.

Leia também

De acordo com a Secretaria da Saúde do Paraná, além do fígado, rins e pâncreas da jovem também foram doados. O pâncreas da adolescente foi levado para São Paulo. Um dos rins está no Ceará, enquanto o outro foi para Campo Largo, na região metropolitana de Curitiba.

Os três pacientes - que receberam os rins e o pâncreas da adolescente - estão se recuperando da cirurgia e passam bem, segundo informou o Sistema Estadual de Transplantes do Paraná ao UOL.

O cabelo da jovem será doado ao Instituto Peito Aberto, de Paranaguá, que apoia mulheres em tratamento contra o câncer de mama.

A missa de sétimo dia da youtuber será realizada nesta terça-feira (20), às 19h30, na Igreja Nossa Senhora do Rocio, também em Paranaguá, onde a família mora.

O caso

Isabelly levou um tiro na cabeça na rodovia PR-412, no balneário Ipanema, em Pontal do Paraná, no litoral do estado, na madrugada de quarta-feira (14). Ela voltava para casa com a mãe e dois assessores após uma gravação para seu canal do Youtube, o Isa Top Show.

A menina foi encaminhada em estado gravíssimo ao Hospital Regional do Litoral, em Paranaguá. Assim que teve a morte cerebral confirmada, a família autorizou a doação dos órgãos. De acordo com o boletim de ocorrência, a que o UOL teve acesso, o caso aconteceu por volta das 2h da manhã, após um desentendimento no trânsito.

Entretanto, segundo o advogado e amigo da família, André Tavares, a mãe de Isabelly contou que os bandidos fecharam o carro em que a youtuber estava e um deles desceu atirando a esmo e que não houve briga no trânsito.

Horas depois do crime, a polícia localizou o carro e prendeu um empresário de 26 anos, morador de Curitiba, por suspeita de ter atirado na jovem. A prisão em flagrante foi feita perto do local do crime. O empresário, um irmão dele e um amigo foram encaminhados para a Delegacia de Matinhos, onde estão à disposição da Justiça. A arma utilizada pelo suspeito é legal.

Cotidiano