PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Esse conteúdo é antigo

Mulher hostilizada em briga do Leblon presta queixa hoje; arquiteta se cala

Marcela Lemos

Colaboração para o UOL, no Rio

06/10/2020 09h43

A influenciadora digital Priscilla Dornelles registrou um boletim de ocorrência na manhã de hoje por difamação e injúria contra a arquiteta Aline Cristina Araújo. O registro de ocorrência será feito na Delegacia do Leblon, na zona sul do Rio - onde ocorreu a confusão no último dia 25. Já a arquiteta permaneceu em silêncio em depoimento prestado na sexta-feira (2).

Priscilla estava de biquíni no banco da frente do conversível do engenheiro Wilton Vacari Filho. No carro estava também Sheila Gmack no banco de trás. Ao passarem pela Rua Dias Ferreira, com a capota do carro aberta, o trio foi alvo de duas garrafas de água arremessadas dentro do veículo.

As garrafas foram jogadas por Aline. No dia seguinte, a arquiteta alegou nas redes sociais que os três protagonizaram cenas de "atentado ao pudor" e que jogou as garrafas para apagar o fogo dos trio.

O advogado Renan Pacheco Canto confirmou ao UOL que o boletim de ocorrência foi registrado hoje por conta das declarações da arquiteta que chegou a insinuar que as mulheres eram garotas de programa e estavam drogadas.

"Priscilla teve a sua honra atacada. A sua condição de mulher foi publicamente desrespeitada. Não mediremos esforços para buscar uma responsabilização", disse o advogado Renan Pacheco Canto.

O engenheiro Wilson Vacari, motorista do conversível, já havia registrado queixa sobre o ocorrido na semana passada. Ele negou em depoimento ter cometido qualquer ato de atentado ao pudor.

Já a arquiteta, alvo das acusações, esteve na delegacia na última sexta-feira (2) e permaneceu calada durante o depoimento.

Relembre o caso

A confusão começou, após Priscilla e Scheila passarem de biquíni em um conversível com capota aberta pela Rua Dias Ferreira, no Leblon. Incomodada com a situação, a arquiteta jogou duas garrafas de água dentro do carro. Scheila que estava no banco de trás do veículo, saiu do carro e agrediu a mulher Aline que estava sentada na mesa de um restaurante, na calçada.

Ao retornar para o conversível, a mulher ainda teve a parte de cima do biquíni arrancada pelo namorado de Aline que levantou para defendê-la. Nas redes sociais, Aline disse que o namorado não teve a intenção de tirar o biquíni, mas de segurar Scheila para aguardar a chegada da polícia.

O trio contou que voltava de um passeio de lancha quando passou pela Rua Dias Ferreira, no Leblon.

Cotidiano