Conteúdo publicado há 22 dias

Vídeo mostra assassinato de pré-candidato a vereador no Guarujá

Um vídeo mostra o momento em que homens armados atiram contra o pré-candidato a vereador Edgar dos Reis, conhecido como Edgar do Fort, durante uma reunião política.

O que aconteceu

Dois atiradores descem do carro e disparam contra a porta de vidro de um estabelecimento, onde está Edgar. Um terceiro homem aponta a arma em direção à rua, mas não atira.

Duas mulheres que estavam na calçada saem correndo e não ficam feridas. O crime aconteceu na rua Primeiro de Junho, no bairro Paecará, no Guarujá, em 24 de maio.

A ação dura cerca de 30 segundos. Os homens voltam para o carro e fogem em alta velocidade.

Edgar foi levado para o Hospital Guarujá, mas não resistiu aos ferimentos. Ninguém foi preso até o momento.

A Polícia Civil investiga se o assassinato de Edgar do Fort tem relação com o homicídio de Cristiano Lopes Costa, 41, o Meia Folha, um dos homens fortes do PCC (Primeiro Comando da Capital) na Baixada Santista. Ele foi morto a tiros em 12 de março deste ano também no Guarujá.

Suposto envolvimento do PCC

Investigadores não descartam a possibilidade da participação de integrantes do PCC nos assassinatos de Edgar do Fort e de Cristiano Costa, o Meia Folha.

Os rumores nos meios policiais eram de que Meia Folha poderia ter envolvimento no homicídio do jornalista Thiago Rodrigues, pré-candidato à Prefeitura do Guarujá que foi assassinado a tiros na noite de 27 de dezembro do ano passado.

Continua após a publicidade

Segundo a Polícia Civil, Meia Folha era proprietário da HC Transporte e Locação Eirelli. A empresa tinha dois contratos vigentes com a Prefeitura do Guarujá e era responsável por cuidar da limpeza das unidades de saúde no município.

Deixe seu comentário

Só para assinantes