Como foi o ataque em Londres que deixou 7 mortos e 48 feridos

Do UOL, em São Paulo

Sete pessoas morreram e outras 48 ficaram feridas em um ataque na noite de sábado (3) em Londres. O ataque, que durou oito minutos, começou com uma van avançando em alta velocidade contra pedestres que caminhavam na London Bridge, importante ponto turístico da capital inglesa. Em seguida, a van parou em uma região com vários bares e três homens e começaram a esfaquear pessoas que estavam no local.

Veja como foi a sequência de acontecimentos:

Por volta das 22h em Londres (18h no horário de Brasília), uma van branca atropela vários pedestres que caminhavam pela calçada da London Bridge, famoso ponto turístico da cidade. Testemunhas dizem que o veículo estava a uma velocidade de 80 km/h quando avançou sobre as pessoas na ponte.

Às 22h07, o serviço de ambulância é avisado sobre um incidente na London Bridge. Um minuto depois, a polícia de Londres também é alertada.

Após atropelar os pedestres na ponte, a van para em uma região com vários bares próximo ao Borough Market, que fica perto da ponte. Três homens descem do veículo e começam a esfaquear pessoas que estavam nos bares.

O local estava cheio porque várias pessoas tinham acabado de assistir à final da Liga dos Campeões da Europa nos bares.

Dominic Lipinski/PA via A
Pessoas correm em rua de Londres após imediações da London Bridge serem evacuadas

Na tentativa de se defenderem, algumas pessoas atiraram garrafas e cadeiras em direção aos agressores, segundo testemunhas.

Enquanto atacavam as pessoas, os homens gritavam: "Isto é por Alá", disse uma testemunha à BBC. O rapaz também disse ter visto uma garota ser esfaqueada dez ou quinze vezes pelos agressores.

Às 22h14, a primeira ambulância chega à ponte para socorrer as vítimas que foram atropeladas.

Três suspeitos mortos

Oito minutos após a primeira ligação, a polícia chega ao local do ataque e atira contra os agressores. Os três suspeitos são mortos. 

Na manhã deste domingo (4), a polícia britânica confirmou que uma pessoa foi atingida por uma bala na troca de tiros entre policiais e os três suspeitos, mas passa bem. Cerca de 50 disparos foram dados no confronto.

Um policial de trânsito sofreu graves ferimentos na cabeça, no rosto e nas pernas, mas não corres risco de morte, segundo a BBC. Outro policial que estava de folga também ficou ferido.

Até o momento, a morte de um canadense foi confirmada, de acordo com a BBC. Entre os feridos, há quatro franceses, um espanhol e um australiano, de acordo com seus respectivos governos.

Daniel Sorabji/AFP
Equipes de resgate socorrem vítimas do ataque em Londres

Até o momento, nenhum dos mortos, incluindo os suspeitos de serem os agressores, teve a identidade revelada pelas autoridades britânicas.

Em discurso na manhã deste domingo (4), a primeira-ministra britânica, Theresa May, classificou os ataques como atos de terrorismo. Nenhum grupo, no entanto, reivindicou a autoria dos ataques até o momento.

A polícia britânica prendeu 12 pessoas no bairro de Barking, zona leste de Londres, em conexão com os ataques na manhã de domingo.

(Com agências internacionais)

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos