PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Ratos aprendem a escapar de ratoeiras e perturbam moradores nos EUA

Animais como os ratos são beneficiados pela ação humana - SPL
Animais como os ratos são beneficiados pela ação humana Imagem: SPL

Colaboração para o UOL, em São Paulo

23/10/2020 18h53

Em Livermore, Califórnia, os ratos têm aprendido a evitar armadilhas, como ratoeiras, e a rondar casas à noite. Incomodados, os moradores da cidade relataram ao jornal "Bay Area News Group" quais experiências têm tido com o animal ultimamente.

Linda, uma moradora da região, relata que há ratos nas paredes de sua casa e que ela e o marido prenderam vários do lado de fora nos últimos meses, mas não puderam pegá-los. Eles chegaram a ver um atrás do refrigerador e bolaram armadilhas para capturá-los: em vão.

Ela não é a única a reclamar de problemas com ratos em Livermore. Everett relata que, às manhãs, costuma ver várias partes do corpo de ratos mortos espalhadas pelo jardim de sua casa. Ele se questiona que tipo de predador estaria atuando, já que seus coelhos, porcos e esquilos de estimação não costumam se alimentar de roedores.

Em resposta às reclamações enviadas ao jornal, o colunista de vida animal, Joan Morris, deu sugestões, como tentar apanhar o animal do lado de fora e colocar uma noz na armadilha amarrada a um fio dental, no caso de Linda. Na situação descrita por Everett, Morris acredita que somente um falcão-de-cauda-vermelha poderia ter devorado os ratos.

Internacional