PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Esse conteúdo é antigo

EUA: Homem se assusta com barulho em casa e atira contra a mulher grávida

Segundo xerife, atirador pensou se tratar de um invasor em casa; mulher não resistiu aos disparos e morreu - iStock
Segundo xerife, atirador pensou se tratar de um invasor em casa; mulher não resistiu aos disparos e morreu Imagem: iStock

Do UOL, em São Paulo

05/11/2020 14h49

Um homem se assustou com um barulho do lado de fora do próprio quarto e disparou uma arma de fogo para se proteger. No entanto, acabou atingindo a própria mulher, grávida, que morreu.

O caso aconteceu na madrugada de ontem em Stuart, cidade no estado norte-americano da Flórida. Segundo o xerife William Snyder, do contado de Martin, o próprio homem ligou para a emergência por volta da 1h30 (horário local, 3h30 de Brasília) dizendo ter atirado acidentalmente contra a esposa.

"Ele disse claramente: 'eu atirei em minha mulher por acidente'", disse Snyder, segundo o site da CBS 12, afiliada local da rede CBS. "Foi difícil ouvir aquilo. Claramente era um homem horrivelmente angustiado."

Peritos estiveram na casa do casal e recolheram evidências durante todo o dia de ontem — inclusive à noite, avaliando o cenário do endereço para comparar com o momento dos disparos. Uma criança de dois anos, que seria filha do casal, estava em casa no momento dos tiros e não se feriu.

Os envolvidos não tiveram as identidades reveladas. O caso ainda está sendo investigado.

Internacional