PUBLICIDADE
Topo

Eleições Americanas

Esse conteúdo é antigo

Invasão ao Congresso dos EUA tem 13 presos e 5 armas confiscadas

Do UOL, em São Paulo

06/01/2021 20h44

As autoridades dos EUA prenderam 13 pessoas e confiscaram 5 armas de fogo hoje durante a invasão ao Congresso norte-americano por apoiadores de Donald Trump.

A informação foi divulgada pelo chefe da Polícia Metropolitana do Distrito de Colúmbia, Robert J. Contee, e reportada pelo jornal The New York Times.

Ele afirmou que as armas incluíam pistolas e armas longas, e ressaltou que nenhuma das pessoas presas era residente do Distrito de Colúmbia, onde fica a capital dos Estados Unidos.

Incitados pelo presidente Donald Trump, os manifestantes invadiram o Capitólio — como é conhecido o prédio do Congresso — durante a sessão de oficialização do democrata Joe Biden como novo presidente, e de Kamala Harris como vice.

A declaração é apenas um evento burocrático no qual Congresso e Senado se reúnem em uma sessão conjunta para ler os votos do Colégio Eleitoral e aceitar objeções.

O protesto violento resultou na morte de uma mulher que foi atingida por um projétil. De acordo com a emissora NBC News, a polícia não soube detalhar as circunstâncias do tiroteio, quem disparou o tiro ou a natureza dos ferimentos que causaram a morte.

A presidente do Congresso, Nancy Pelosi, comunicou que pretende continuar com a sessão de oficialização na noite de hoje. Em carta aos colegas, a democrata informou: "Em consulta com o líder Hoyer e Whip Clyburn e depois de ligações para o Pentágono, o Departamento de Justiça e o vice-presidente, decidimos que devemos prosseguir esta noite no Capitólio assim que estiver liberado para uso. O líder Hoyer enviará mais orientações mais tarde hoje."

Eleições Americanas