PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Padaria alemã faz sucesso com bolos com formato de vacina da covid-19

Padaria alemã lançou bolos no formato de vacinas da covid-19 - Reprodução/@schuerener_backparadies
Padaria alemã lançou bolos no formato de vacinas da covid-19 Imagem: Reprodução/@schuerener_backparadies

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/01/2021 14h53

Uma padaria conhecida por seus bolos excêntricos em Dortmund, no oeste da Alemanha, lançou um bolo com formato de seringa para "comemorar 2021, o ano da vacina contra o novo coronavírus", informou a agência de notícias Reuters.

O dono da padaria, Tim Kortuem, comentou que teve receio em emplacar a ideia em um primeiro momento, acreditando que "preparar uma seringa saborosa seria ir longe demais".

Mas ele mudou de opinião logo depois. "Primeiro, estávamos um pouco céticos se seria um pouco macabro demais. Mas então nós fizemos isso [os bolos] depois de tudo porque mesmo para pessoas anti-vacina é engraçado", explicou Kortuem.

"É uma vacina sem efeitos colaterais. E você pode voltar e pegar outra porque é tão gostosa", completou o proprietário.

Apesar da fala do proprietário da padaria, é importante ressaltar que todas as vacinas contra a covid-19 aprovadas até agora são seguras, de acordo com a agência de medicamentos EMA, da União Europeia, a FDA, do governo norte-americano, e a OMS (Organização Mundial da Saúde), entre outros, que pesquisam a eficácia dos imunizantes.

Vacinação

A CoronaVac, do laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, já foi aprovada para uso emergencial na China, na Indonésia e na Turquia; já a vacina de Oxford com a farmacêutica anglo-sueca AstraZeneca é aplicada no Reino Unido.

Neste domingo (17), a vacinação começou no Hospital das Clínicas, em São Paulo, depois que a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) autorizou o uso emergencial de duas vacinas contra a covid-19 no Brasil: a Coronavac e a de Oxford. Já receberam a Coronavac ontem um total de 112 profissionais da saúde.

De acordo com levantamento do site Our World in Data até a manhã do dia 15 de janeiro de 2020, pouco mais de 38,4 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 já foram administradas ao redor do planeta.

Internacional