PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
15 dias

10 vezes que objetos inacreditáveis foram achados em imóveis antigos

Autoridades medem rocha de safiras encontradas no quintal da casa de um morador do Sri Lanka - Reprodução/Arquivo Pessoal
Autoridades medem rocha de safiras encontradas no quintal da casa de um morador do Sri Lanka Imagem: Reprodução/Arquivo Pessoal

Do UOL, em São Paulo

26/09/2021 06h00Atualizada em 26/09/2021 08h11

Fazer uma faxina em casa ou planejar uma reforma pode render grandes descobertas, mas, para algumas pessoas, essa experiência foi além do esperado. Bonecas com mensagens macabras, fósseis históricos e até 'bilhetes premiados' são alguns dos achados inusitados que viraram notícias ao redor do mundo.

Dos Estados Unidos ao Sri Lanka — passando até mesmo pelo Brasil — confira 10 histórias intrigantes que surpreenderam (e, por vezes, assustaram) gente comum em imóveis antigos.

Passado macabro

boneca - Reprodução Daily Mail - Reprodução Daily Mail
Jonathan Lewis encontrou a boneca de pano segurando bilhete assassino
Imagem: Reprodução Daily Mail

O professor britânico Jonathan Lewis, de 32 anos, encontrou um "bilhete assassino" junto a uma boneca, em um cômodo de seu novo lar em Walton, Liverpool (Inglaterra). O caso ocorreu na sexta-feira (17) e ganhou destaque nas redes sociais. Segundo o proprietário, o local estava fechado com uma parede de gesso e foram necessárias algumas marteladas para desvendar o que tinha por trás dela. Foi então que ele encontrou a mensagem inusitada:

"Prezado leitor/novo dono da casa, obrigado por me libertar!

Meu nome é Emily. Meus donos originais moravam nesta casa em 1961. Eu não gostava deles, então eles tiveram que ir. Tudo o que eles fizeram foi cantar e se divertir. Foi repugnante. Esfaquear foi a minha escolha de morte para eles, então espero que você tenha facas. Espero que você durma bem."

Para ele, tudo não passou de uma brincadeira.

Pré-história na piscina

fossil - Governo da cidade de Las Vegas/Divulgação - Governo da cidade de Las Vegas/Divulgação
NOVA - Entre os fósseis achados está pedaço de mandíbula e quatro dentes
Imagem: Governo da cidade de Las Vegas/Divulgação

Um casal de Las Vegas, nos Estados Unidos, decidiu cavar um buraco para a construção de uma piscina em sua casa, quando foram surpreendidos por um objeto pré-histórico: o fóssil de um cavalo que teria vivido há pelo menos 6 mil anos.

Entre as imagens divulgadas, está um pedaço da mandíbula do animal e quatro dentes. O material foi encontrado a menos de dois metros de profundidade e acendeu a curiosidade de internautas.

Muitos segredos

passagmem secreta - Reprodução/Rede Social - Reprodução/Rede Social
Freddy Gooddall
Imagem: Reprodução/Rede Social

Após observar algumas fotos da casa da família — datadas de mais de 500 anos — o incorporador imobiliário Freddy Gooddall, de 23 anos, ficou perplexo ao descobrir uma passagem secreta que o levou a áreas inexploradas dentro da sua própria residência. As imagens foram gravadas e compartilhadas no TikTok, onde fizeram muito sucesso.

O caminho levava a vários corredores e quartos subterrâneos, com um cofre, documentos datados de 1848 cheios de informações sobre a casa, algumas cartas e até livros e carteiras antigas, usadas nos anos 1900, quando a propriedade era uma instituição educacional.

Muitos segredos... perturbadores

Mulher encontra quarto secreto em nova - Reprodução/TikTok - Reprodução/TikTok
Mulher encontra quarto secreto em nova casa com um conteúdo perturbador e viraliza
Imagem: Reprodução/TikTok

Um outro caso de quarto secreto também surpreendeu os usuários das redes sociais. No TikTok, uma mulher identificada como Rooney8900 mostrou um cômodo de sua nova residência onde havia diversas bugigangas como: roupas, quadros, vasos e enfeites. Mas o que chamou atenção foram os bonecos com um visual assustador.

"Como vocês podem ver, a senhora que morava aqui guardou tudo (...) meus filhos disseram que eu deveria gravar enquanto movia (o armário) e ver o que estava lá atrás", disse ela ao mostrar bonecas com faces horripilantes.

De repente milionário

Kenneth Morgan  - Divulgação/Twitter/@floridalottery - Divulgação/Twitter/@floridalottery
Kenneth Morgan com seu cheque de US$ 1 milhão
Imagem: Divulgação/Twitter/@floridalottery

Kenneth Morgan, de 54 anos, aproveitou o feriado da independência dos Estados Unidos deste ano, no dia 4 de julho, para fazer uma boa faxina em casa e acabou encontrando um bilhete de loteria, que havia comprado em abril, em uma de suas gavetas. Ao verificar os números, se surpreendeu: ele havia faturado US$ 1 milhão, cerca de R$ 5 milhões na cotação da época.

Numa publicação no Twitter, a loteria da Flórida parabenizou o americano: "Kenneth Morgan teve um explosivo 4 de julho depois de encontrar um bilhete premiado de US$ 1 milhão do POWERBALL enquanto limpava sua casa! Parabéns Kenneth!".

Amor de outros tempos

foto - Reprodução Facebook - Reprodução Facebook
Declaração escrita há 40 anos foi descoberta durante uma reforma em uma escola de idiomas em São Vicente (SP)
Imagem: Reprodução Facebook

Não foi em uma casa, mas numa escola de São Vicente, no litoral de São Paulo, que um romance chamou atenção em junho deste ano. O administrador da instituição, Marcelo Omena, achou uma declaração de amor escrita há cerca de 40 anos na parede de uma das salas.

"Se a chuva representasse o amor, só mesmo um maremoto diria o que sinto por você", diz a mensagem destinada a "Ki Suco" e assinada pela "Ruiva".

Ao UOL, Omena contou na ocasião estava com "tempo ocioso" quando decidiu fazer o reparo. "A parede estava estufada e comecei a raspar a tinta. Na verdade, eu tinha curiosidade em descobrir as cores que foram usadas no imóvel e aí achei a mensagem", disse ele.

Omena suspeita que o texto foi escrito no último dia de aula (a data é de 19/12/1981) e diz que postou as imagens por ter achado a frase "meio sem sentido". "Eu nem entendi muito o recado. Mas, poesia não tem lógica, né?", diz ele.

Tiro, porrada e...

Pamela Coffey  - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Pamela Coffrey achou bomba enquanto vasculhava seu jardim
Imagem: Reprodução/Facebook

Uma moradora do estado norte-americano do Missouri estava cortando a grama de seu jardim quando se deparou com bomba - ativa - da Segunda Guerra Mundial. Pamela Coffey fez uma publicação noFacebook afirmando que não havia explorado a área externa da casa por completo, já que as plantas são muito grandes. Ela e o marido já haviam encontrado itens peculiares no local, mas o artefato chamou atenção.

"Eles fizeram um raio-x. Ela está ativa! Tem um robozinho onde ela está localizada e estão esperando a equipe. Sério, meu dia começou e eu só queira mudar umas videiras de lugar", escreveu.

A moradora chamou o departamento antibombas, que usou um robô para retirar o dispositivo, que se tratava de um explosivo da marinha japonesa.

Mais memórias da guerra

Mas não foi apenas nos Estados Unidos que artefatos da Segunda Guerra Mundial foram encontrados. John e Val Campbell, um casal que vive na ilha de Guernsey, estavam mexendo no assoalho quando encontraram algo inesperado: uma caixa cheia de mensagens codificadas da Alemanha, datadas do período do conflito.

De acordo com o jornal "The Mirror", o casal também encontrou caixas de cigarro, fósforos, xampu e até mesmo passes para bordéis. Os itens teriam sido escondidos por um soldado nos anos 1940, que ficou na casa durante a ocupação nazista da ilha.

Tesouro no quintal

Imagem das autoridades medindo a rocha de safiras - Reprodução/Arquivo Pessoal - Reprodução/Arquivo Pessoal
Imagem das autoridades medindo a rocha de safiras
Imagem: Reprodução/Arquivo Pessoal

Sr. Gamage, do Sri Lanka, contratou trabalhadores para escavar um poço em sua propriedade, localizada na região de Ratnapura, conhecida como a "cidade das joias", um pouco abaixo da Índia. Tudo estava indo bem com a construção até que uma enorme rocha com um aglomerado de safiras foi encontrado.

O "tesouro" foi avaliado em 72 milhões de libras esterlinas - o equivalente a R$ 515 milhões. Apenas em julho deste ano, todo o processo burocrático do governo terminou e o achado veio a público. Desde que foi resgatada, a rocha estava sendo limpa e analisada, com especialistas atestando que as safiras são de alta qualidade.

Quase um filme de terror

Restos mortais de um bebê - Reprodução/CBS  - Reprodução/CBS
Restos mortais de um bebê foram encontrados enterrados em uma parede de uma casa na Carolina do Sul (EUA)
Imagem: Reprodução/CBS

Moradores de uma residência no estado da Carolina do Sul, nos Estados Unidos, viveram cenas que parecem ter saído de um filme. Segundo a emissora de TV CBS, restos mortais de um bebê foram encontrados na parede. As autoridades locais não constataram há quanto tempo precisamente a criança teria morrido ou quando seus restos foram fundidos ao cimento da parede.

Entretanto, o legista do condado de Spartanburg, Rusty Clevenger, adiantou que a ossada possivelmente não era algo recente. "Com base em nossas informações limitadas, acredita-se que os restos mortais tenham sido ocultados por um longo período de tempo."

Internacional