Cães domésticos são o prato favorito dos leopardos na Índia, diz pesquisa

DO UOL, em São Paulo

  • Hendrik Schmid/DPA/AFP

    Estudo mostrou que cães eram 39% da dieta dos leopardos em cidade da Índia

    Estudo mostrou que cães eram 39% da dieta dos leopardos em cidade da Índia

Leopardos que vagam pela zona rural na Índia têm um "prato" favorito: cachorros. Os felinos têm preferido comer cães domésticos em áreas onde há vacas, cabras e outros animais, de acordo com um novo estudo publicado nesta quinta-feira (11) na revista Oryx.

Para reconstruir a dieta dos leopardos indianos, os cientistas tiveram que dar uma olhada de perto nas fezes dos animais. Uma equipe liderada por pesquisadores da Sociedade de Conservação para a Vida Animal recolheu 85 amostras fecais de leopardos encontradas em trilhas, riachos secos e campos em uma área rural de Maharashtra, o mesmo estado onde fica a cidade de Mumbai.

No laboratório, os pesquisadores procuraram por partes não digeridas dos animais que haviam composto a dieta dos leopardos, como garras, unhas e pelos. Eles descobriram que os cachorros foram, de longe, a presa mais comum, totalizando 39% da dieta dos leopardos (em termos de biomassa). Os restos mortais de gatos domésticos foram encontrados em 15% das amostras. Cabras, por exemplo, foram responsáveis por apenas 11% da dieta, mesmo sendo sete vezes mais abundantes do que os cães na área de estudo.

A pesquisa concluiu ainda que 87% da dieta dos leopardos era composta por animais domésticos, incluindo tanto gado quanto animais de estimação. O fato sugere que esses felinos, apesar de considerados selvagens, são completamente dependentes de fontes humanas quando se trata de alimentação. Os animais selvagens compõem uma parte pequena da dieta dos leopardos e, nesse caso, eram principalmente roedores.

Os dados mostram o tamanho do impacto que a urbanização e o aumento populacional têm sobre o estilo de vida dos leopardos, que vivem em paisagens dominadas pelo homem. A área de estudo predominantemente agrícola, em torno da cidade de Akole, não continha manchas naturais de floresta, e a área protegida mais próxima era o Santuário da Vida Animal de Kalsubai Harishchandragarh, localizado 18 quilômetros a oeste.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos