PUBLICIDADE
Topo

BH: vereador muda nome para Bolsonaro após Câmara vetar homenagem

Jair Di Gregório (PSD) introduziu o termo Bolsonaro em seu sobrenome dos registros da Câmara de BH - Reprodução / Instagram
Jair Di Gregório (PSD) introduziu o termo Bolsonaro em seu sobrenome dos registros da Câmara de BH Imagem: Reprodução / Instagram

Do UOL, em São Paulo

09/07/2020 09h56

O vereador Jair Di Gregório, do PSD, decidiu introduzir o nome do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em seus registros na Câmara da cidade.

A iniciativa acontece dias depois de ele propor uma 'moção de aplausos' ao chefe do Executivo por sua "atuação exemplar e valorosa" diante da pandemia de coronavírus. A ideia foi rejeitada por 16 votos a 8 - quatro vereadores se abstiveram e outros 13 não registraram posição.

A partir de agora, o nome do vereador na casa é exibido como Jair Bolsonaro Di Gregório. A novidade já consta no site oficial da Câmara Municipal.

Ele ainda ameaçou "entregar" colegas que votaram contra a moção. "A gente pôde ver, agora, quem caminha com Bolsonaro, quem não caminha e quem fica em cima do muro. O Jair Bolsonaro vai vir até Belo Horizonte e estarei na comitiva dele. Quando eu ver um vereador que votou contra ele ou ficou em cima do muro, direi 'aquele ali é traíra, não gosta do senhor'", disse ele, segundo o Estado de Minas.

No Twitter, Di Gregório também publicou uma foto abordando o tema. Uma montagem mostra a seguinte mensagem: "Que pena que alguns ajudaram a esquerdopata BH".

Coronavírus

No final de março, Di Gregório chegou a ser internado em um hospital da região após contaminação por coronavírus.

Ele, na época, afirmou que a covid-19 era "extremamente grave" e que seu pulmão havia sido afetado. O vereador afirmou ter usado cloroquina, substância defendida por Bolsonaro, para se recuperar.

https://www.instagram.com/p/CCZoGGWFYTE/?igshid=lktyk4x9nj7f

Uma publicação compartilhada por Jair Di Gregorio Oficial (@jairdigregorio) em

Política