PUBLICIDADE
Topo

Política

Conteúdo publicado há
10 meses

'Devo ser a voz de todos, não a voz de um', diz Lira em discurso na Câmara

Do UOL, em São Paulo

01/02/2021 23h23Atualizada em 02/02/2021 01h41

Recém-eleito presidente da Câmara com 302 votos, o deputado federal Arthur Lira (PP-AL) fez um discurso pela união da Casa, prometendo respeitar as diferenças e "ouvir todos os lados". De pé ao lado da cadeira da presidência, ele disse homenagear a todos os presentes, não só aqueles que o levaram na vitória, e todos os partidos.

"É um gesto de respeito a esse Plenário", explicou, "o verdadeiro e único presidente da Câmara. Prometo respeitar, como presidente, as forças vivas desta Casa Legislativa. Os colegiados, a proporcionalidade e o Plenário da Câmara, como instituição, devem ser a voz de todos, não a voz de um."

Não me confundo com essa cadeira [da presidência] e jamais irei me confundir. Sou um deputado igual a todos, não sou e não serei a cadeira que irei ocupar temporariamente nesta legislatura. Arthur Lira (Progressistas-AL), presidente eleito da Câmara

Lira destacou ainda a efemeridade do cargo que agora ocupa, dizendo que apenas "estará" presidente da Câmara. Ele afirmou querer servir ao seu país, à Casa e ao povo brasileiro com a sua "melhor dedicação", sobretudo neste momento de pandemia, que já deixou mais de 225 mil mortos no Brasil.

Ele também pediu um momento de silêncio em homenagem às vítimas da covid-19 e a seus familiares e ressaltou os desafios da Casa no enfrentamento à pandemia.

"A politica tem uma dívida com o povo brasileiro, e temos uma grande chance, juntos, todos, de todas as tendências, acima das diferenças, de estabelecermos o que chamamos de pauta em emergencial e mostrarmos que as instituições politicas, o estado, o povo abandonado no momento de sua maior vulnerabilidade... tenho certeza que essa casa encontrará pontos mínimos, comuns, para ajudar o povo brasileiro a enfrentar os traumas e as dores da pandemia."

Com 302 votos, Lira derrotou Baleia Rossi (MDB-SP), que era apoiado pelo ex-presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e recebeu 145 votos.

Ao todo, oito candidatos disputaram a presidência da Câmara para o biênio 2021-2022. Além Lira e Baleia Rossi, os deputados André Janones (Avante-MG), Fábio Ramalho (MDB-MG), General Peternelli (PSL-SP), Kim Kataguiri (DEM-SP), Luiza Erundina (PSOL-SP) e Marcel van Hattem (Novo-RS) também estão concorrendo.

Alexandre Frota (PSDB-SP) renunciou a sua candidatura pouco antes do início da votação para apoiar Baleia Rossi.

Política